CENTRO SERRA 23/10/2019 14h58 Atualizado às 15h28

Olímpiada Rural de Arroio do Tigre pode ser incluída no Calendário de Eventos do Estado

O projeto foi proposto pelo prefeito Marciano Ravanello e teve o apoio da Câmara de Vereadores do município e da Associação de Juventude Rural

Foi protocolada na manhã desta quarta-feira, 23, na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), pelo deputado Adolfo Brito, um projeto de lei que inclui a Olimpíada Rural de Arroio do Tigre no calendário oficial de eventos do Rio Grande do Sul. O projeto foi proposto pelo prefeito Marciano Ravanello e teve o apoio da Câmara de Vereadores do município e da Associação de Juventude Rural de Arroio do Tigre (Ajurati).

A Ajurati foi criada em 1996 com atividades relacionadas à juventude de Arroio do Tigre. Atualmente 16 grupos de jovens rurais constituem a associação, contando com aproximadamente 2.800 associados. A Olimpíada Rural é uma competição esportiva, social e cultural, realizada anualmente, onde os grupos de jovens disputam diversas modalidades. Geralmente é realizada na última semana de abril ou início de maio, com grande participação da comunidade local.

“A olímpiada reúne um público em torno de 12 mil pessoas durante os 4 dias de realização, o que demonstra a tradição e força do evento. É, com certeza, o fator preponderante para sucessão rural”, afirmou o prefeito Marciano.

“O evento fomenta a educação, o esporte, o turismo e o desenvolvimento econômico daquela região. Por isso, nada mais justo que a aprovação do parlamento por esta iniciativa”, afirmou o deputado Brito.

A 38ª edição das Olimpíadas Rurais ocorrerá de 6 a 9 de maio de 2020, no Estádio Municipal Carlos Ensslin, Quadra Society André Luiz Dupont e Ginásio Municipal Tigrão.