Santa Cruz 16/12/2017 22h24

Caxias conquista título gaúcho de basquete ao superar União Corinthians

Partida da final foi disputada na noite deste sábado, 16, no ginásio do Mauá, em Santa Cruz. Time da Serra é o único representante do Estado na NBB

A torcida compareceu no ginásio do Mauá na noite de sábado, 16, para empurrar o Cigha União Corinthians na grande final do Estadual de Basquete. A equipe até tentou, mas não conseguiu superar o qualificado time do Banrisul/Caxias na final do Campeonato Gaúcho Adulto Masculino. Jogando em casa, a equipe de Santa Cruz, que tem grande parte do plantel formado por meninos da base, foi dominada pela equipe da Serra , a favorita ao título, e perdeu por 111 a 83.  Assim, ficou com o vice-campeonato da competição no ano em que retornou à competição. 

Para chegar na final, o UniCo precisou vencer na noite dessa sexta-feira o Caimanns, de Passo Fundo, por 105 a 73. Já o time de Caxias, único representante do Estado no NBB, entrou nas fases finais da competição por estar na liga nacional. Como esperado, desde o início o time da Serra conseguiu ser superior. No primeiro quarto, a equipe já conseguiu abrir uma diferença de 15 pontos: fez 36 a 21. No segundo quarto, as equipes fizeram 14 a 26, totalizando 35 a 62.

Na saída para os vestiários, os jogadores da casa não esconderam a insatisfação com o resultado. "A gente conseguiu encaixar o ataque, mas a defesa está horrível", criticou um dos mais experientes atletas da casa, Icaro Parissotto. No segundo tempo, o UniCo voltou melhor e conseguiu vencer o terceiro quarto por 29 a 27. Inspiradíssimo, Giuliano Mazui era um dos destaques do time. Até o fim do quarto, já havia marcado 20 pontos, sendo 18 de três, e se consagrava como o cestinha da equipe. No entanto, como o Caxias havia aberto uma grande diferença na etapa incial, Cigha UniCo seguia perdendo por 64 a 89. No último quarto, o que vinha se desenhando foi confirmado: o time de Caxias venceu por 111 a 83. 

Apesar da derrota, o desempenho do time da casa foi elogiado. "Os caras tem uma estrutura muito maior que a nossa. A gente montou um time com o pessoal da cidade", avaliou Leo Assmann. Cauê, do Caxias, foi o cestinha da partida, com 27 pontos. Já Mazui fez 20 pontos. "A gente está com dever cumprido. Voltamos com um time adulto de basquete em Santa Cruz,com pouco investimento, sem ninguém recebendo. Ano que vem tem de novo", comentou o destaque do time da casa.