Mudança na tabela 11/01/2019 18h51 Atualizado às 13h31

Jogo do Avenida contra o Guarani pela Copa do Brasil tem nova data

Partida passou do dia 6 para 13 de fevereiro, às 17 horas, em Santa Cruz do Sul, e será classificatória para a segunda etapa do torneio nacional

O Avenida entrará pela primeira vez na Copa do Brasil no próximo dia 13 de fevereiro, uma semana depois da data inicialmente divulgada pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF). O jogo será contra o Guarani, de Campinas (SP) a partir das 17 horas, no Estádio dos Eucaliptos, em Santa Cruz do Sul. Conforme consta no site oficial do torneio, a partida terá transmissão ao vivo do Sportv para todo o País.

A tarefa do Avenida será muito difícil. Conforme o regulamento, a primeira fase da Copa do Brasil é disputada em jogos únicos, ou seja, sem ida e volta. Estreante, o time santa-cruzense será o mandante, enquanto o Guarani terá a vantagem de jogar pelo empate para se classificar à segunda etapa por figurar no ranking da CBF. Assim, o Periquito precisará vencer para avançar na competição.

O vencedor de Avenida x Guarani enfrentará Corinthians ou Ferroviário-CE na segunda fase – as equipes se enfrentará no dia 7 de fevereiro, às 21 horas, em Fortaleza. Conforme sorteio, o time paulista ou o cearense será o mandante na próxima etapa, novamente em jogo único, mas desta vez o empate levará a definição do classificado para a terceira fase para os tiros livres da marca do pênalti.

Os 91 participantes da Copa do Brasil de 2019 foram definidos a partir de três critérios. Primeiro, 11 times com origem nas competições nacionais. Depois, 70 que vieram das competições estaduais, organizadas por suas respectivas federações, caso do Avenida. Por fim, outros dez, obedecendo a ordem do Ranking Nacional de Clubes da CBF.

O torneio mais democrático do calendário nacional envolve 80 equipes nas quatro primeiras etapas. Outros 11 ingressarão diretamente nas oitavas de final: os oito que estarão na Copa Libertadores da América – Cruzeiro, Palmeiras, Flamengo, Internacional, São Paulo, Grêmio, Atlético-MG e Atlético-PR –; Fortaleza, campeão da Série B do Campeonato Brasileiro; Sampaio Corrêa, vencedor da Copa do Nordeste; e Paysandu, dono do título da Copa Verde.

Bugre paulista tem título da primeira divisão e está na Série B
O campeão brasileiro de 1978 é um clube tradicional do futebol paulista e brasileiro. Fundado em abril de 1911, o Guarani, cujo nome é uma alusão à obra “Il Guarany”, do compositor Carlos Gomes, viveu o seu auge justamente nos anos 1970 e 1980. Após o título da primeira divisão nacional, foi finalista em mais duas edições do Brasileirão, em 1986, contra o São Paulo, e 1987, diante do Sport Recife.

Nos anos 2000, enfrentou uma série de rebaixamentos nos certames paulista e nacional. De 2013 a 2016, disputou a Série C do Brasileiro. Passou a frequentar a Série B em 2017 e neste ano terminou em nono lugar. O Guarani possui ainda um título da Série Prata, a segunda divisão da Confederação Brasileira de Desportos, a CBD, antecessora da CBF; cinco do Paulistão do Interior e 12 do Campineiro. O clube disputou 17 vezes a Copa do Brasil e retornará depois de cinco temporadas ausente. Osmar Loss será o técnico em 2019.

Outros gaúchos na primeira fase
O primeiro gaúcho a entrar em campo nesta Copa do Brasil será o Ypiranga, de Erechim, que enfrentará o Votuporanguense no dia 6 de fevereiro, às 17 horas, em Votuporanga (SP). Na mesma data, mas às 21h30, o Juventude, de Caxias do Sul, vai encarar o Palmas na capital do Tocantins. No dia 13, às 19 horas, o São José receberá a Chapecoense no Passo d'Areia, em Porto Alegre. O Brasil, de Pelotas, visitará o Tubarão em Santa Catarina no dia 14 de fevereiro, às 19 horas.