Libertadores 08/05/2019 19h07 Atualizado às 06h59

Grêmio confirma vaga às oitavas com vitória na Arena

Tricolor gaúcho bateu a Universidad Católica sem dificuldades e garantiu a classificação à próxima etapa

Com boa atuação, o Grêmio garantiu a classificação às oitavas de final da Copa Libertadores da América, ao vencer a Universidad Católica por 2 a 0 na noite desta quarta-feira, 8, na Arena. Sem sobressaltos, o Tricolor alcançou os dez pontos e confirmou o segundo lugar do grupo B.

O Libertad, que perdeu para o Rosario Central por 2 a 1, fora de casa, fechou na liderança com 12. A Católica ficou com sete e vai para a segunda fase da Copa Sul-Americana. Os argentinos terminaram na última posição da chave com cinco. Os duelos da próxima fase do torneio continental serão conhecidos em sorteio na próxima segunda-feira, 13, às 21 horas, na sede da Conmebol, em Luque no Paraguai. Agora, o Grêmio encara o Corinthians no sábado que vem, 11, a partir das 19 horas, no Itaquerão, em São Paulo, pela quarta rodada do Brasileirão.

PRIMEIRO TEMPO

Disposto a confirmar logo a vaga para as oitavas de final, o Tricolor iniciou melhor e abriu o placar aos 23 minutos. Michel fez belo lançamento para Alisson. Livre dentro da área, ele bateu de canhota no contrapé do goleiro Dituro – 1 a 0. Aos 28, Jean Pyerre cobrou falta na cabeça de Kannemann, que mandou para fora.

Em vantagem no placar, o Grêmio mandava no jogo e Paulo Víctor era um mero espectador na Arena. Porém, aos 35, o arqueiro tricolor vacilou e a Universidad Católica, por pouco, não deixou tudo igual. Ele saiu catando borboleta e mandou no pé de Pinares. O meia buscou o ângulo direito, mas a bola saiu pela linha de fundo.

Os donos da casa responderam aos 40. Após troca de passes, Maicon encontrou Jean Pyerre, que soltou a bomba. Dituro voou e evitou o segundo. Pouco depois, Everton ficou com a sobra perto da pequena área e finalizou para nova intervenção do goleiro da Católica. Amplamente superior à equipe chilena, o Grêmio acumulava chances. Aos 43, Everton tocou para Maicon, que finalizou fraco. Na saída para o vestiário, a torcida reconheceu o bom futebol e aplaudiu o time.

SEGUNDO TEMPO

O Grêmio voltou com uma mudança na lateral esquerda. Por conta de dores na coxa, Bruno Cortez deu lugar a Juninho Capixaba. Aos 6 minutos, Everton tocou para Jean Pyerre, que finalizou longe da meta de Dituro. A Universidad Católica tentava achar espaços, mas o Tricolor estava bem postado na defesa.

Aos 15, Alisson acionou Everton pela esquerda. O camisa 11 bateu e Dituro fez grande defesa. Na sequência, Aued arriscou do meio da rua e Paulo Victor segurou firme. Aos 21, Jean Pyerre bateu falta nas mãos de Dituro. No minuto seguinte, Renato promoveu a segunda alteração, colocando Thaciano no lugar de Jean Pyerre.

A estrela do camisa 16, que foi contratado em definitivo junto ao Boa Esporte (MG) por R$ 2 milhões, brilhou aos 31. Leonardo aproveitou o erro na saída da Católica e cruzou para o volante, sozinho na área, só empurrar para o fundo da rede – 2 a 0. Logo em seguida, a última mexida: o capitão Maicon saiu para a entrada de Luan. O Grêmio administrou a vantagem até o fim e comemorou a vaga diante de 34.187 torcedores.

COPA LIBERTADORES DA AMÉRICA
1ª FASE
6ª E ÚLTIMA RODADA
GRÊMIO 2 a 0 UNIVERSIDAD CATÓLICA

Data e horário: Quarta-feira, 8 de maio, 19h15
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre
Arbitragem: Néstor Pitana, com Hernán Maidana e Juan Belatti (Argentina)
Gols: Grêmio - Alisson (23/1ºT) e Thaciano (31/2ºT)
Cartões amarelos: Kannemann (Grêmio); Conejo, César Fuentes e Lanaro (Universidad Católica)

GRÊMIO
Paulo Victor; Leonardo, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez (Juninho Capixaba); Michel, Maicon (Luan), Alisson, Jean Pyerre (Thaciano) e Everton; André
Técnico: Renato Portaluppi

UNIVERSIDAD CATÓLICA
Matiás Dituro; Magnasco (Lobos), Lanaro, Kuscevic e Conejo; César Fuentes (Buonanotte), Aued, Pinares, Fuenzalida e Riascos (Sáez); Puch
Técnico: Gustavo Quinteros


MAIS LIDAS