Velocidade 18/08/2019 13h47 Atualizado às 19h35

Líder de ponta a ponta, Beto Monteiro vence corrida 1 da Copa Truck em Santa Cruz

Piloto havia garantido a posição no treino classificatório de sábado

Tendo garantido a pole position no treino classificatório de sábado, o piloto Beto Monteiro não deu chances para ninguém e venceu de ponta a ponta a corrida 1 da Copa Truck, que foi realizada no início da tarde deste domingo, no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul. Leandro Totti terminou em 2º e Paulo Salustiano em 3º, posições que também já haviam garantido no treino classificatório de sábado.

Largando da pole na corrida 1, Beto foi pressionado o tempo todo por Leandro Totti e Paulo Salustiano. Porém, com sangue frio e muita habilidade, o piloto da Volkswagen conseguiu se presentear pelo aniversário de 43 anos (completados neste domingo) com a quinta vitória na temporada em dez corridas realizadas - fazendo dele o nome a ser batido em 2019.

"Realmente sofremos um pouco no fim de semana, somamos nossa primeira pole no ano, o caminhão se comportou muito bem nessa primeira parte da corrida. Este é meu melhor ano profissionalmente e está sendo fantástico. Busquei somar o máximo de pontos, mas não consegui render na segunda corrida. Mesmo assim, saio animado daqui", comentou o piloto pernambucano da Volkswagen.

As provas do fim de semana foram acompanhadas pelo programa Pé na Estrada, da Rádio Gazeta, apresentado por André Black. 

 

Foto: Bruno PedryTurma do alambrado aproveitou para fazer um churrasco enquanto assistia as corridas no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul
Turma do alambrado aproveitou para fazer um churrasco enquanto assistia as corridas no Autódromo Internacional de Santa Cruz do Sul


Confira abaixo o resultado da corrida 1:

1. Beto Monteiro (Volkswagen) - 11 voltas em 25min53s631
2. Leandro Totti (Mercedes-Benz) - a 2.674
3. Paulo Salustiano (Volkswagen) - a 3.850
4. Wellington Cirino (Mercedes-Benz) - a 6.020
5. Renato Martins (Volkswagen) - a 6.952
6. André Marques (Mercedes-Benz) - a 8.009
7. Felipe Giaffone (Iveco) - a 9.814
8. Regis Boessio (Volvo) - a 12.271
9. Luis Zapellini (MAN) - a 13.799
10. Jaidson Zini (Iveco) - a 15.549
11. Djalma Pivetta (Iveco) - a 16.610
12. Pedro Paulo (Mercedes-Benz) - a 18.138
13. José Augusto Dias (Volkswagen) - a 18.808
14. Danilo Alamini (Iveco) - a 39.111
15. Djalma Fogaça (Ford) - a 3 voltas
16. Débora Rodrigues (Mercedes-Benz) - a 3 voltas
17. Clodoaldo Monteiro (MAN) - a 3 voltas

Não completaram 75% da prova

18. Roberval Andrade (Mercedes-Benz) - a 4 voltas
19. Witold Ramasauskas (Mercedes-Benz) - a 4 voltas
20. Adalberto Jardim (Ford) - a 6 voltas
21. Luiz Lopes (Iveco) - a 10 voltas
22. Fabio Fogaça (Ford) - não largou

Melhor volta: Beto Monteiro, 1min44s481