Boa vantagem 03/09/2019 22h49 Atualizado às 08h30

Até empate leva o Inter para a final da Copa do Brasil

Colorado pega o bicampeão Cruzeiro no Beira-Rio e tem vantagem para voltar à final do campeonato depois de dez anos

Se o empate determinou a eliminação na Libertadores da América para o Flamengo há uma semana, no Beira-Rio, nesta quarta-feira, 4, ele está a favor do Internacional no duelo contra o Cruzeiro, também em casa. A partir das 21h30, as equipes gaúcha e mineira duelam pela segunda vaga de finalista da Copa do Brasil e o Colorado joga pela igualdade no placar, pois venceu o primeiro jogo por 1 a 0 no dia 7 de agosto, em Belo Horizonte. Uma nova vitória, por qualquer escore, também serve e deixa ainda mais eufóricos os 46 mil torcedores alvirrubros. A Raposa precisa vencer por dois ou mais gols de diferença ou por um para levar a definição aos pênaltis.

O volante Patrick garantiu ontem que o Inter superou a decepção pela eliminação nas quartas de final da Libertadores e assegurou que a equipe não vai se acomodar com a vantagem do empate hoje. “O passado já passou. Temos de jogar para ganhar. Não podemos dar chance de contra-ataque. Vamos jogar na nossa casa e temos de buscar a vitória”, frisou Patrick, mas lembrou: “Se não perdermos de novo, estaremos na final”.

O técnico colorado Odair Hellmann não conta com o atacante Wellington Silva, que está na Espanha, onde defendeu o Levante, para prestar depoimento à Justiça na investigação sobre um suposto caso de manipulação de resultados. O uruguaio Nico López, que encerrou um longo jejum de gols de 24 jogos no último sábado, ao marcar o terceiro da vitória de 3 a 2 sobre o Botafogo, deve ser titular esta noite.

O Cruzeiro não contou com o zagueiro Dedé, que ficou no hotel da concentração para trabalhos com o fisioterapeuta Charles Costa. Se não puder atuar, deve ser substituído por Fabrício Bruno. O lateral-direito Orejuela está com a seleção colombiana para os amistosos contra Venezuela e Brasil, e dá lugar a Edilson.

COPA DO BRASIL
Beira-Rio – Porto Alegre
Hoje, 21h30

INTERNACIONAL
Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel; Rodrigo Lindoso, Edenilson, Patrick e D’Alessandro; Nico López ou Rafael Sobis e Paolo Guerrero Técnico: Odair Hellmann

CRUZEIRO
Fábio; Edilson, Dedé, Fabrício Bruno e Dodô; Henrique, Robinho, Marquinhos Gabriel, Thiago Neves e David; Pedro Rocha ou Fred Técnico: Rogério Ceni

Arbitragem: Flávio Rodrigues de Souza (SP), com Alessandro Matos (BA) e Fabrício Vilarinho da Silva (GO) Vídeo: Rodrigo Ferreira do Amaral (SP), com Caio Max Vieira (RN) e Fabricio Moura (SP)

Rádio: Gazeta FM 107.9 e Rio Pardo FM 103.5
TV: RBS TV e Sportv

LEIA MAIS: Inter pode voltar a ser finalista da Copa do Brasil