Brasileirão 29/09/2019 15h54 Atualizado às 18h33

Grêmio erra na pontaria e perde para o Fluminense

Tricolor gaúcho foi a campo com reservas, criou boas oportunidades, mas pecou nas finalizações

O Grêmio não esteve com a pontaria afinada e perdeu para o Fluminense por 2 a 1 na tarde deste domingo, 29, no Maracanã, pela 22ª rodada do Brasileirão. Com reservas em campo, o Tricolor gaúcho teve boas oportunidades, principalmente no primeiro tempo, mas apresentou falha no sistema defensivo e saiu derrotado do Rio de Janeiro. Assim, parou na sétima colocação, com 34 pontos, dois a menos que o São Paulo, que fecha o G-6, o grupo dos classificados à Copa Libertadores da América do ano que vem. Na próxima quarta-feira, 2, o time de Renato Portaluppi faz o primeiro confronto das semifinais da Libertadores contra o Flamengo, às 21h30, na Arena. O duelo da volta será no dia 23 de outubro, no Maracanã. 

PRIMEIRO TEMPO

O Grêmio começou controlando as ações, mas o Fluminense abriu o placar na primeira chegada ao ataque, logo aos 6 minutos. Daniel acionou Yony González pela esquerda. Ele foi à linha de fundo e cruzou para o meio. Nenê pegou de primeira e finalizou no canto direito de Julio César – 1 0. O Tricolor gaúcho quase empatou em seguida. Ganso errou na entrada da área, Thaciano ficou com a bola e mandou uma bomba. Muriel saiu muito bem para o abafa.

Apesar da vantagem, o time carioca dava espaços e os visitantes conseguiam criar oportunidades. Aos 20, João Pedro perde a bola no meio e dá o contra-ataque ao Grêmio, que apareceu pela esquerda com Pepê. Ele rolou para André, e o centroavante concluiu muito longe da meta de Muriel. Aos 25, outra chance desperdiçada. Darlan cruzou, André deu uma rosca para trás e Thaciano aproveitou, só que chutou sobre o gol. O Flu respondeu na sequência, Yony bateu cruzado, com perigo. Aos 37, o colombiano recebeu de Caio Henrique e cabeceou pela linha de fundo.

SEGUNDO TEMPO

A exemplo da etapa inicial, o Grêmio voltou a levar um gol cedo. Aos 4 minutos, João Pedro arrancou pelo meio e lançou para Yony, que deixou de calcanhar para Caio Henrique. O lateral invadiu a área e finalizou. A bola passou por baixo de Júlio César, que ainda tocou, mas ela morreu no fundo de rede – 2 a 0. Aos 8, Muriel operou um milagre. Pepê cruzou para Thaciano, que tocou de primeira. O goleiro do Fluminense saiu muito bem de novo e fez grande defesa.

O VAR entrou em ação aos 12, quando Yuri tocou a mão na bola dentro da área. O árbitro Max Augusto Vieira revisou o lance e mandou o jogo seguir. As entradas de Ferreira e Patrick deram uma outra cara para o Tricolor gaúcho, que descontou aos 31. Ferreira chutou em cima da marcação, mas não desistiu e a bola soltou para Patrick que mandou uma pancada, sem chances para Muriel – 2 a 1.

Aos 40, foi a vez do Fluminense pedir pênalti em dividida pelo alto de Juninho Capixaba e João Pedro. Com a ajuda do vídeo, o juiz também nada marcou. O Grêmio se jogou em busca do empate e, aos 49, Nino evitou o empate, ao impedir toque de Thaciano dentro da área.

BRASILEIRÃO
22ª RODADA
FLUMINENSE 2 a 1 GRÊMIO

Data e horário: Domingo, 29 de setembro, 16h
Local: Maracanã, no Rio de Janeiro
Arbitragem: Caio Max Augusto Vieira (RN), com Alessandro Rocha de Matos (BA) e Jean Márcio dos Santos (RN)
Vídeo: José Cláudio Rocha Filho (SP), com Pablo Ramon Gonçalves Pinheiro (RN) e Celso Luiz da Silva (MG)
Cartões amarelos: Paulo Miranda (Fluminense); Paulo Miranda, Luciano, André, Renato Portaluppi e Guilherme Azevedo (Grêmio)
Gols: Fluminense - Nenê (6/1ºT), Caio Henrique (4/2ºT); Grêmio - Patrick (30/2ºT)

FLUMINENSE
Muriel; Gilberto, Nino, Yuri e Caio Henrique; Allan, Daniel (Orinho), Nenê (Wellington Nem) e Paulo Henrique Ganso; Yony González (Marcos Paulo) e João Pedro
Técnico (interino): Marcão

GRÊMIO
Julio César; Léo Moura (Guilherme Azevedo), Paulo Miranda, Rodrigues e Juninho Capixaba; Rômulo, Darlan (Patrick), Luciano (Ferreira), Thaciano e Pepê; André  
Técnico: Renato Portaluppi