Semifinais da Libertadores 03/10/2019 23h21 Atualizado às 08h43

Grêmio aposta em recuperar jogadores lesionados para jogo no dia 23

O time gaúcho precisa vencer ou empatar por ao menos 2 a 2 para alcançar a grande final

Após ser surpreendido pelo Flamengo em seu estádio, o Grêmio aposta em recuperar jogadores lesionados para tentar desbancar o time carioca no Maracanã, no dia 23 deste mês, no segundo e definitivo jogo da semifinal da Copa Libertadores da América. O time gaúcho precisa vencer ou empatar por ao menos 2 a 2 para alcançar a grande final, após o empate por 1 a 1 na Arena, em Porto Alegre, na última quarta-feira, 2. No grupo dos desfalques na primeira partida estavam o zagueiro Pedro Geromel, o lateral-direito Leonardo e o meia Jean Pyerre. Apenas dois deles têm chances de voltar à equipe titular a tempo de jogar no Rio de Janeiro.

O zagueiro e o meio-campista são dois dos principais jogadores do time na atual temporada. Pedro Geromel já se consolidou como um dos melhores do País em sua posição nos últimos anos, com direito a convocações para a seleção brasileira. Cria da base gremista, Jean Pyerre é uma das revelações do time no ano. Ambos recuperam-se de lesões musculares na coxa direita. O defensor é quem tem maior chance de estar 100% para o jogo no Maracanã. Jean Pyerre machucou-se no fim de setembro, com prazo de reabilitação de 30 dias. Portanto, pode vir a ficar fora também da partida no Rio.

“Eles (Flamengo) têm a vantagem, mas temos mais 90 minutos. O Grêmio gosta de jogar no Maracanã. Até lá podemos ter reforços”, destacou Renato Portaluppi em entrevista coletiva após o empate na Arena. Sem Pedro Geromel e Jean Pyerre, o treinador escalou David Braz e Luan na quarta. Outro “reforço” é o volante Maicon. Na quarta, ele entrou em campo somente no segundo tempo – Michel foi escalado na posição – e acabou participando da jogada que gerou o gol de empate anotado por Pepê. “Ele não joga há um mês. A minha intenção nem era colocar ele em campo. Foi um risco. Se não estivéssemos perdendo, dificilmente iria fazer isso”, explicou Renato. Para o segundo jogo, Maicon deve retomar o posto de titular.

Flamengo perde Arrascaeta para o segundo confronto
O Flamengo anunciou nessa quinta-feira, 3, que o meia Arrascaeta sofreu uma contusão no joelho esquerdo durante o empate com o Grêmio por 1 a 1, na quarta-feira. Em sua conta no Twitter, o clube comunicou que exames de imagem apontaram uma lesão no ligamento colateral medial e no menisco medial do uruguaio, que precisará ser submetido a uma artroscopia. A equipe não informou o tempo necessário para recuperação, mas o jogador deve ficar pelo menos um mês afastado e é desfalque certo para o segundo jogo das semifinais da Libertadores.

A ausência de Arrascaeta preocupa o técnico Jorge Jesus, uma vez que o meia tem sido um dos principais destaques da equipe na temporada. O uruguaio marcou 14 gols e deu 11 assistências em 39 jogos. A contusão sofrida por ele é similar à de Vitinho, que se machucou em julho durante partida contra o Corinthians, em São Paulo, e ficou cerca de um mês fora. Reserva de Arrascaeta, Diego ainda se recupera de uma fratura no tornozelo esquerdo, sofrida na derrota por 2 a 0 contra o Emelec, pelas oitavas de final da Libertadores, e também está fora de combate. O atacante colombiano Berrío e o jovem Reinier são opções.

Filipe Luís e Arão minimizam discussão
O clima de decisão entre Flamengo e Grêmio parece ter deixado os ânimos do lateral-esquerdo Filipe Luís e do volante Willian Arão um pouco mais exaltados na quarta-feira. Os dois flamenguistas discutiram rispidamente e chegaram a trocar ofensas e empurrões durante a partida. Após o jogo, eles minimizaram a situação.

“Foi (uma discussão) tão forte quanto um jogo de semifinal, que é de muita tensão e emoção. Às vezes, a gente acaba falando num tom mais forte do que o normal. Mas o Arão é meu amigo, a gente já conversou e isso é coisa de jogo e fica no campo. O importante é que se fale na cara”, comentou Filipe. Willian Arão seguiu a mesma linha de raciocínio. “Coisa de jogo. Eu acho uma coisa e às vezes ele acha outra. O importante é que a gente se entendeu depois e está tudo certo”, garantiu.

LEIA MAIS: Grêmio sai atrás do placar, mas busca o empate na Arena