Inter 04/11/2019 22h55 Atualizado às 08h05

Goleiro Lomba fala e pede desculpas

Em coletiva, ele reconheceu o erro e afirmou que não conseguiu dormir por causa do cartão vermelho no Gre-Nal

Visivelmente emocionado, o goleiro Marcelo Lomba convocou uma entrevista coletiva, ontem à tarde, para pedir desculpas e reconhecer que errou no lance da expulsão no Gre-Nal do último domingo. O jogador do Internacional afirmou que não conseguiu dormir por causa do cartão vermelho recebido aos 5 minutos do segundo tempo do clássico com o Tricolor, que venceu por 2 a 0 na Arena, pela 30ª rodada do Brasileirão.

“Eu já me atiro para pegar a bola com as mãos. Não fui para dar uma voadora. Saiu do meu controle. Levantei a perna mais que o normal, fui com força desproporcional. Era para vermelho, passível de expulsão. Não sabia se ele viria dividir e extrapolei. O campo estava muito molhado, deslizei mais do que esperava. Peço desculpas ao Luciano se arrisquei a integridade dele”, disse o arqueiro colorado.

Lomba saiu do gol para impedir o avanço do atacante gremista e teve êxito parcialmente. Na sequência do lance, o goleiro deu uma voadora no adversário e pegou a bola com as mãos. Detalhe: o jogador do Grêmio estava impedido. “Fiquei muito chateado. Foi a primeira vez que fui expulso por uma falta, um lance mais ríspido. É difícil até para dormir, sendo que você prejudicou a equipe. Estou até constrangido. Quando a bola foi enfiada, percebi que estava impedido. A recomendação pede para não marcar. Eu fico cara a cara com o Luciano, tiro a bola. Quando tiro, deixa de ser lance claro, na minha cabeça. Tinha certeza que era impedimento. Todo mundo sabia que era”, afirmou Lomba.

Com a saída do goleiro, o técnico Zé Ricardo precisou trocar Guilherme Parede para a entrada do goleiro reserva Danilo Fernandes, que estará em campo no duelo com o Ceará nesta quinta-feira, às 19h30, no Castelão. Além de Lomba, o volante Edenilson e o atacante Nico López são desfalques pelo terceiro cartão amarelo. O lateral-direito Heitor retorna depois de cumprir suspensão automática. A delegação viaja hoje para o Nordeste. O Inter está em sétimo lugar na tabela de classificação, com 46 pontos, quatro a menos que o Grêmio, que ocupa a quinta posição, e a seis de distância do São Paulo, quarto colocado e último integrante da zona que leva direto à fase de grupos da Copa Libertadores da América de 2020.


MAIS LIDAS