Brasileirão 07/11/2019 20h56 Atualizado às 23h46

Com gol no final, Grêmio vence o CSA e entra no G-4

Tricolor fez 2 a 1 no time alagoano e engatou o quarto triunfo consecutivo na competição nacional

O Grêmio passou trabalho, chegou a ceder o empate, mas conseguiu vencer o CSA por 2 a 1 na noite desta quinta-feira, 7, no fechamento da 31ª rodada do Brasileirão. O gol do Tricolor saiu aos 48 minutos da etapa complementar. Com o resultado, o time gaúcho alcançou os 53 pontos, ultrapassou o São Paulo na tabela e ingressou no G-4 pela primeira vez, na zona de classificação que leva direto à fase de grupos da Copa Libertadores da América do ano que vem. No próximo domingo, o adversário será a Chapecoense, a partir das 19 horas, na Arena Condá, em Chapecó. Suspenso pelo terceiro cartão amarelo, o volante Maicon é desfalque certo.

PRIMEIRO TEMPO

O Grêmio trocava passes com paciência, enquanto o CSA esperava um erro do adversário para puxar o contra-ataque. Na primeira chegada mais forte do sistema ofensivo, o Tricolor saiu na frente logo aos 8 minutos. Everton recebeu de Cortez e cruzou para trás, da esquerda. Tardelli bateu de chapa com o pé direito, sem chances para João Carlos.

Com mais de 60% de posse de bola, os donos da casa tentavam encontrar espaços para ampliar a vantagem. Depois do gol, o Grêmio buscava formas de superar a defesa do CSA, mas encontrava dificuldades. As principais ações ocorriam pelas laterais do campo. No entanto, a equipe visitante se postava bem atrás.

Aos 22, o Tricolor conseguiu aparecer novamente com perigo. Luciano aciona Alisson, que bateu forte e João Carlos fez boa intervenção. Aos 31, Euller tabelou com Didira e finalizou à direita da meta de Paulo Victor. Lance assustou a torcida na Arena. Sem pressa, o Grêmio afrouxou a marcação e, em alguns momentos, parecia desconcentrado no jogo. Aos 43, Matheus Henrique cobrou falta na meia-lua, sem direção.

SEGUNDO TEMPO

O panorama praticamente não mudou nos minutos iniciais. O Grêmio mostrava pouco interesse e quase foi surpreendido pelo CSA aos 12 minuitos. Euller cobrou falta, Alan Costa tocou de cabeça e a defesa do Grêmio cortou mal. No rebote, Jean Cléber encheu o pé e Paulo Victor fez uma linda defesa. Aos 33, Everton fez a torcida acordar. Ele avançou em velocidade, ainda do campo de defesa, invadiu a área e finalizou em cima de Alan Costa.

Ao longo da etapa complementar, o técnico Renato Portaluppi colocou Pepê na vaga de Alisson. Depois, sacou Maicon para a entrada de Rômulo e mandou Patrick a campo no lugar de Diego Tardelli. Aos 36, Pepê poderia ampliar o escore, mas cabeceou para fora. Aos 41, o time alagoano perdeu uma boa chance de empatar o duelo. Após ficar com a sobra na entrada da área, Jean Kléber concluiu pela linha de fundo.

Tudo se encaminhava para uma vitória magra do Tricolor. Até que, aos 45, Rafinha cobrou falta, a barreira abriu e a bola morreu no canto esquerdo de Paulo Victor. No entanto, no apagar das luzes, o Grêmio confirmou mais uma vitória na competição. Aos 48, Everton cruzou e Ronaldo Alves mandou de cabeça contra o próprio patrimônio – 2 a 1 e uma mistura de alívio com festa dos 13,2 mil gremistas na Arena.

BRASILEIRÃO
31ª RODADA
GRÊMIO 2 a 1 CSA

Data e horário: Quinta-feira, 7 de novembro, 21h
Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre
Arbitragem: José Mendonça da Silva Júnior, com Bruno Boschilia e Rafael Trombeta
Vídeo: Paulo Roberto Alves Júnior, com Lucas Paulo Torezin e Ivan Carlos Bohn (PR)
Cartões amarelos: Kannemann e Maicon (Grêmio); Alan Costa e Bruno Alves (CSA)
Gols: Grêmio - Diego Tardelli (8/1ºT) e Ronaldo Alves (contra - 48/2ºT); CSA - Rafinha (45/2ºT)

GRÊMIO
Paulo Victor; Léo Moura, Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Matheus Henrique, Maicon (Rômulo), Alisson (Pepê), Diego Tardelli (Patrick) e Everton; Luciano
Técnico: Renato Portaluppi

CSA
João Carlos; Celsinho, Alan Costa, Ronaldo Alves e Euller (Ricardo Bueno); João Vítor, Jean Kléber, Didira (Bruno Alves) e Warley; Héctor Bustamante (Rafinha) e Alecsandro
Técnico: Argel Fucks