de volta 18/01/2020 13h26 Atualizado às 13h43

Fabiano Peçanha retorna de olho nos Jogos Olímpicos

Principal atleta de Santa Cruz estará nas pistas novamente em busca de índice após dois anos sem disputar competições oficiais

Fabiano Peçanha escreveu belos capítulos enquanto atleta profissional. Agora, aos 37 anos e afastado das pistas há dois, o atleta anunciou que voltará a competir em provas oficiais. Nascido em Cruz Alta, Fabiano reside em Santa Cruz do Sul desde os 18 anos. O início no atletismo aconteceu sete anos antes, sob orientação do pai, Jorge Peçanha.

Acometido por uma doença degenerativa, o professor poderá ver o filho em ação novamente. Em março, o atleta vai em busca de 1min54 para conseguir uma vaga nos 800 metros do Troféu Brasil, que ocorrerá de 7 a 10 de maio, em Porto Alegre. “Estou bem fisicamente e tenho estrutura física para treinar. Quero perder quatro quilos e chegar a 76. Vou montar um cronograma de treinos e conto com o apoio dos meus irmãos”, afirma. “Dias atrás, assisti a vídeos antigos e relembrei de como era bom correr. Quero que o meu pai veja esse retorno.”

Após o primeiro passo, Fabiano quer chegar ao índice de 1min45, o que possibilitaria uma vaga nos Jogos Olímpicos de Tóquio. “Sou um ex-profissional que está se dedicando para correr com profissionais. Será um desafio”, diz o atleta que vai competir pela Associação Medalha de Ouro (AMO), equipe criada por ele em 2015. Os jovens orientados por Fabiano estão empolgados. “Poderemos treinar e viajar juntos. Será algo novo.”