DOJÔ RENOVADO 08/02/2020 15h34

VÍDEO: Judô ganha nova estrutura no Tênis Clube

Em parceria com a Unisc e Município de Santa Cruz do Sul, iniciativa atende crianças em oito polos e conta com equipe de competição

A nova instalação de judô do Santa Cruz Tênis Clube foi inaugurada nessa sexta-feira, 7, em uma cerimônia que contou com convidados, atletas e pais. Uma placa foi descerrada para marcar a data. O dojô vai beneficiar as crianças que treinam no local. Uma delas é Rauane Eduarda Neuhaus, de 10 anos. Ela integra o projeto há dois anos e iniciou no polo do Residencial Viver Bem. Agora, a menina já compete. A mãe, Daiana Dassow, de 28 anos, afirma que o judô faz bem à Rauane. “Ela sente falta quando não tem treino. Está com a faixa cinza. O clube fornece tudo, o que ajuda bastante”, explica.

Secretário de Esportes do Estado, o bicampeão mundial João Derly contou um pouco sobre como iniciou no judô. “Comecei com seis anos, estudava em escola pública. Depois, fui para o clube, com mais condições. É importante que os clubes tentam a sensibilidade de investir, como acontece aqui. O grande legado do esporte é a formação. Nem todos serão campeões, mas terão valores para tornarem-se cidadãos. O judô é o esporte mais completo, reconhecido pela Unesco”, declarou.

Presidente da Federação Gaúcha de Judô, César de Castro Cação reconheceu a importância da iniciativa. “Santa Cruz já é reconhecida pela força no judô. É um esporte de inclusão. Essa iniciativa, de montar o dojô, vai somar para o clube e para a cidade”, observou.

A reitora da Unisc, Carmen Lúcia de Lima Helfer, destacou que um dos papeis da universidade é apoiar iniciativas na área do esporte. São 3,2 mil pessoas envolvidas em ações que tem a Unisc como parceira. “Esporte é fundamental para a formação da cidadania, envolve o jovem em uma atividade importante. A Unisc é comunitária e precisa se envolver nas ações. Fornecemos apoio com bolsistas, materiais e infraestrutura”, frisou.

LEIA TAMBÉM: Delegação de Santa Cruz do Sul representa o Brasil no Mundial de Eisstocksport

O evento contou ainda com a presença de Joel Luiz Guarilha, fundador do judô nos Vales em 1971; Antônio Carlos de Oliveira Pereira (Sensei Kiko), treinador da Sogipa que trabalhou com João Derly, Tiago Camilo, Mayra Aguiar, Felipe Kitadai, entre outros; Cléber Pereira, coordenador de Esportes do Município e o presidente do Tênis Clube, Eleno Hausmann, autor de um discurso emocionado.

A parceria entre a Associação de Judô Santa Cruz (Ajusc) com o Tênis Clube começou em 2018. No início de 2019, o clube passou a incorporar atletas para competir. A Ajusc realiza um trabalho social com 450 crianças. Elas são atendidas em oito polos espalhados pelo município de forma gratuita. A equipe de competição do clube conta com 50 atletas, envolvidos em disputas estaduais e nacionais. São quatro professores, atendendo nos turnos da manhã e tarde em cinco dias da semana.

O Tênis Clube está credenciado na Secretaria Especial do Esporte e na Confederação Brasileira de Clubes (CBC) para receber recursos federais. A Ajusc já completou 17 anos e atendeu 20 mil alunos no período.

LEIA TAMBÉM: Atletas do Colégio Mauá participam de curso com ex-ginasta da Seleção Russa