Tricolor 22/03/2020 22h48 Atualizado às 23h53

Presidente do Grêmio testa positivo para o coronavírus

Romildo Bolzan Júnior encontra-se em bom estado de saúde e isolamento residencial há oito dias

O Grêmio anunciou na noite deste domingo, 22, que o presidente Romildo Bolzan Júnior testou positivo para o novo coronavírus, após realização de exame. Em um breve comunicado no site do clube, a assessoria de comunicação informou que o mandatário encontra-se em bom estado de saúde e em  isolamento residencial  há oito dias. 

Conforme a nota, ele seguirá as recomendações médicas e o protocolo dos órgãos de saúde pública, permanecendo assim em quarentena. No último dia 11, Bolzan teve contato com o presidente do Internacional, Marcelo Medeiros, que está com a doença, durante o jantar na véspera do clássico Gre-Nal, o primeiro da história pela Copa Libertadores da América,

Esse é o quarto caso de contaminação pelo Covid-19 na diretoria gremista. No sábado, 21, o vice-presidente Marco Bobsin, de 68 anos, foi diagnosticado com o coronavírus.

Outros dois casos da doença haviam sido anunciados na sexta-feira, 20. Também tiveram resultado positivo Cláudio Oderich, outro vice-presidente, e o assessor adjunto das categorias de base, Eduardo Fernandes.Também assessor da base, Luiz Ferrari Júnior teve resultado negativo.

 

Ainda na sexta, o Tricolor promoveu uma bateria de testes e aplicação de vacinas no CT Luiz Carvalho. Foram submetidos aos exames os jogadores, os integrantes da comissão técnica e os demais funcionários do clube, que tomou cuidado para que o atendimento fosse individual, evitando ao máximo o contato entre as pessoas. O clube suspendeu as atividades até terça-feira, 24, mas o prazo deve ser prorrogado.