GRUPO DE RISCO 22/06/2020 17h37

Afastado por recomendação médica, Renato vai à praia; Grêmio se manifesta em nota

Treinador, que tem problemas cardíacos e deveria estar em isolamento para evitar a Covid-19, foi fotografado na praia

Um dia após Renato Portaluppi ser flagrado na praia no Rio de Janeiro, a diretoria do Grêmio veio a público nesta segunda-feira para afirmar que “determinou a todos rigor e atenção à observância dos mesmos procedimentos sanitários estabelecidos para cumprimento no Centro de Treinamentos e fora dele”.

Em foto que circulou nas redes sociais ao longo deste domingo, o treinador gremista aparece na praia, jogando bola, sem usar máscara. “Estou há três meses em casa e abriram as praias há três semanas. Ontem (domingo) fui dar um mergulho e fiquei lá 40 minutos. Parece que o planeta está de cabeça para baixo! Mas eu sou grupo de risco? O mundo todo é, todo mundo corre risco com esse vírus”, afirmou o treinador ao GloboEsporte.com.

LEIA TAMBÉM: Federação Gaúcha de Futebol apresenta plano para retomada

Também nesta segunda, o Grêmio se manifestou sobre o episódio. “O Grêmio desde o início da pandemia do Covid-19 vem orientando seus colaboradores sobre cuidados necessários para barrar eventual contágio, além de implementar rígidos protocolos médicos e sanitários, seguindo todas as determinações das autoridades municipal e governamental, para preservar a integridade física de atletas, integrantes da comissão técnica e funcionários em geral.”

Citando o treinador, o clube gaúcho indicou insatisfação com sua decisão de ir à praia durante a quarentena. “Seguindo esta referência de procedimentos adotados pela instituição, o técnico Renato Portaluppi está sendo mantido, por recomendação médica, em isolamento social no Rio de Janeiro, onde reside.”

“Neste sentido, mesmo não cabendo ao clube responder por atividades de foro privado praticadas por seus profissionais, a instituição reitera que determinou a todos rigor e atenção à observância dos mesmos procedimentos sanitários estabelecidos para cumprimento no Centro de Treinamentos e fora dele”, completou o clube, em nota.

LEIA TAMBÉM: ENTREVISTA: calendário do futebol deve avançar em 2021

Renato Portaluppi é considerado integrante do grupo de risco para Covid-19 por enfrentar problemas cardíacos. O técnico foi submetido a duas intervenções cirúrgicas nos últimos dois anos.

No Rio, as regras de isolamento social foram mantidas, mas permitem que as pessoas pratiquem esportes no mar, caso do surfe. No entanto, não permite a permanência dos cariocas na areia.

Treino

Enquanto Renato segue no Rio, o elenco iniciou nesta segunda a oitava semana de treinos no CT Luiz Carvalho. Jogadores se dedicaram aos trabalhos físicos enquanto as atividades coletivas seguem vetadas. Como de costume, o grupo de jogadores foi dividido em cinco para a realização dos exercícios, de forma escalonada, entre 8h30 e 11h15.

LEIA TAMBÉM: Dupla Gre-Nal segue rotina de treinos especiais