Gauchão 2020 02/08/2020 18h43 Atualizado às 21h36

Grêmio vence o Novo Hamburgo e está na final do 2º turno do Gauchão

Com gol aos 44 da segunda etapa, Tricolor bate o Nóia e está na final do turno

Por Guilherme Athayde

O  Grêmio venceu o Novo Hamburgo por 4 a 3 neste domingo, 2 de agosto, na Arena, e está classificado para a final do segundo turno do Campeonato Gaúcho 2020.

A vitória gremista foi construída no segundo tempo, após uma primeira etapa onde a equipe do técnico Renato Portaluppi chegou a abrir 2 a 0 e acabou cedendo o empate.

Logo a dois minutos de jogo, Diego Souza abriu o placar. O cruzamento veio pelo lado esquerdo, quando Éverton encontrou o atacante gremista bem posicionado na área para abrir o placar. A equipe tricolor dominava a partida, e aos 23 minutos, ampliou o placar com Maicon. Éverton fez a jogada pela direita e cruzou para Alisson, que chegou a concluir a gol para boa defesa do goleiro Jacsson. Na sequência a bola sobrou para Maicon, livre, ampliar.A partida parecia encaminhada para uma classificação gremista, quando o Novo Hamburgo resolveu complicar para os donos da casa. Após falta de Kannemann na entrada da área, o lateral Zé Mario, do Novo Hamburgo, acertou a canhota na cobrança de falta, que passou pela barreira e venceu o goleiro Vanderlei.

O Grêmio seguia com mais posse de bola, mas não alcançava o gol do Novo Hamburgo. Aos 39 minutos de jogo, o primeiro susto tricolor: após jogada pelo lado direito, o atacante Kayron, ex-Avenida, fez mais um para os visitantes, e o jogo foi para o intervalo com um empate em 2 a 2.

Na segunda etapa, o time do técnico Renato Portaluppi voltou com a mesma formação, mas com mais volume em relação ao primeiro tempo. Logo a três minutos, Diego Souza recebeu cruzamento na medida de Guilherme Guedes, um dos destaques do Grêmio na semifinal, para marcar novamente. A arbitragem viu uma falta do atacante gremista sobre o zagueiro do Novo Hamburgo, e o placar seguiu em 2 a 2.

Aos 13 minutos da segunda etapa a superioridade gremista novamente deu resultado. Guilherme Guedes, em um cruzamento rasteiro perfeito, encontrou Diego Souza que recolocou o Grêmio na frente na disputa.

Precisando do empate para levar o jogo para as penalidades, o Nóia foi à frente. Em jogada na área, o gremista Jean Pyerre disputou uma bola com Chicão, do Novo Hamburgo, e o árbitro Daniel Bins assinalou pênalti.

Zé Mario, de canhota, fez o segundo dele no jogo e colocou o 3 a 3 no placar, faltando pouco mais de dez minutos para o final da partida.

Após a igualdade no placar, o técnico Renato Portaluppi promoveu as entradas de Luciano e Pepê, que substituíram Jean Pierre e Maicon.

O Novo Hamburgo tratava de se defender e levar a partida para as penalidades máximas, quando brilhou a estrela do reserva Luciano. Aos 44 minutos da etapa final, o atacante gremista contou com uma trombada dos zagueiros do Novo Hamburgo na entrada da área para sair na cara do goleiro e marcar o quarto gol gremista, classificando o Tricolor para a final do segundo turno do Gauchão contra o Inter, que mais cedo havia vencido o Esportivo por 4 a 0 no Beira-Rio.

Como tem melhor campanha nesta fase do campeonato, o Grêmio leva para a Arena a disputa para ver quem será campeão do turno e irá se classificar para a grande final do Estadual contra o Caxias, campeão do primeiro turno.

O Gre-Nal será na quarta-feira, 5 de agosto. A princípio a partida está marcada para as 21h30, mas a confirmação do horário deve ocorrer nesta segunda-feira, 3.

FICHA TÉCNICA  – GAUCHÃO 2020
2º TURNO – SEMIFINAL
GRÊMIO x NOVO HAMBURGO

Local: Arena do Grêmio
Data: 02/08/2020
Horário: 19 horas
Árbitro: Daniel Nobre Bins
Assistentes: Tiago Augusto Kappes Diel e Maira Mastella Moreira
Gols: Diego Souza (2/1º) e (13/2º), Maicon (23/1º) e Luciano (45/2º) – Grêmio; Zé Mário (30/1º) e (34/2º), Kayron (39/1º) – Novo Hamburgo
Cartões amarelos: Maicon e Kannemann (Grêmio); Zé Mário e Kesley (Novo Hamburgo)

GRÊMIO: Vanderlei, Orejuela, Geromel, Kannemann, Guilherme Guedes, Matheus Henrique, Maicon (Lucas Silva), Jean Pyerre (Luciano), Alisson (Pepê), Everton e Diego Souza (Isaque)
Técnico: Renato Portaluppi

NOVO HAMBURGO: Jacsson, Kesley, Moisés (Dionatan), Diego Ivo, Zé Mario, Chicão, Bertotto, Mossoró (Guto), Matheus Lagoa (Giancarlo), Kayron e Juba
Técnico: Márcio Nunes