ELIMINATÓRIAS 12/10/2020 14h49

Seleção brasileira encerra preparação e Thiago Silva será capitão contra o Peru

Canarinho entra em campo às 21 horas desta terça-feira, na segunda rodada da competição que dá vaga para a Copa do Mundo

A seleção brasileira fez na manhã desta segunda-feira, 12, o último treino antes do duelo contra o Peru, marcado para terça-feira, 13, em Lima, pela segunda rodada das Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2022. O jogo começa às 21 horas, no horário de Brasília. Tite comandou a atividade no CT Joaquim Grava e definiu que Thiago Silva será o capitão na partida.

Thiago Silva foi capitão do Brasil na Copa do Mundo de 2014 e usou a braçadeira em dois jogos do Mundial da Rússia, em 2018. Ele foi convocado 123 vezes desde 2008, e, diante da Bolívia, chegou à marca de 90 partidas pela seleção brasileira, igualando Kaká como o 15º jogador que mais vezes atuou pelo time nacional.


O zagueiro de 36 anos, que se transferiu do Paris Saint-Germain para o Chelsea nesta temporada, tem sete gols marcados com a camisa amarelinha. No primeiro jogo das Eliminatórias, o escolhido por Tite para usar a faixa de capitão foi o volante Casemiro.

Neymar havia sido selecionado para ser o capitão fixo do Brasil no ciclo para a Copa de 2022, no Catar, mas perdeu o privilégio depois de agredir um torcedor na final da Copa da França, em maio do ano passado.

Daniel Alves, então, ficou com a faixa na disputa da Copa América de 2019. Sem o experiente lateral-direito no grupo atual, o treinador resolveu retomar o rodízio no começo das Eliminatórias.

Treino

Na atividade desta segunda, no CT do Corinthians, em São Paulo, os jogadores realizaram movimentação com dois times em campo reduzido. Assim como os demais trabalhos da seleção, o treino foi fechado à imprensa, mas foi possível acompanhar alguns minutos pela CBF TV.

Tite não mostrou a escalação que mandará a campo contra os peruanos. Ele dividiu os jogadores em dois times. Boa parte dos que atuaram contra a Bolívia usaram colete.

No grupo de colete estiveram: Weverton; Gabriel Menino, Marquinhos, Rodrigo Caio e Renan Lodi; Casemiro e Douglas Luiz; Everton Cebolinha, Everton Ribeiro e Neymar; Matheus Cunha. Já a outra equipe contou com: Ederson; Danilo, Felipe, Thiago Silva e Alex Telles; Fabinho, Bruno Guimarães e Philippe Coutinho; Richarlison, Rodrygo e Roberto Firmino.

O técnico dará uma entrevista coletiva ainda nesta tarde antes de a delegação embarcar para Lima, às 17 horas. A tendência é de que o treinador repita a escalação que goleou os bolivianos na última sexta.

LEIA MAIS: Brasil goleia no primeiro passo até a Copa do Mundo