COPA DO BRASIL 30/12/2020 21h15 Atualizado às 09h55

Grêmio despacha o São Paulo e faz a final contra o Palmeiras

Após vencer o jogo de ida, time gaúcho empatou com o São Paulo no Morumbi nesta quarta-feira, 30, e vai buscar o Hexa contra o Palmeiras

O Grêmio está na final da Copa do Brasil pela nona vez na história. A classificação veio após o empate sem gols em partida no Morumbi nesta quarta-feira, 30. Após ter vencido o primeiro jogo por 1 a 0 na Arena, o Grêmio soube segurar o time paulista e vai fazer um duelo de gigantes contra o Palmeiras na grande decisão da competição.

PRIMEIRO TEMPO

No duelo de tricolores, melhor para os gaúchos na primeira etapa. O Grêmio aplicou uma forte marcação e impediu quase todas as tentativas de ataque do São Paulo, e ainda colocou uma bola na trave do time da casa.

Os goleiros Vanderlei, do Grêmio, e Tiago Volpi, do São Paulo, pouco trabalho tiveram nos primeiros 45 minutos.

Kannemann chegou perto do gol aos 9, após escanteio onde Rodrigues tocou de cabeça pro meio da área, e o zagueiro argentino completou de cabeça na pequena área, por cima. No minuto seguinte, a melhor chance de gol na primeira etapa. Em mais uma cobrança de escanteio, quem escorou de cabeça foi Diego Souza. Victor Ferraz recebeu a bola sozinho na área, ficou de frente para o goleiro Tiago Volpi, mas a conclusão ficou na trave esquerda do goleiro do São Paulo. A bola ainda rebateu para o meio e a zaga do tricolor paulista tirou quase em cima da linha.

O São Paulo foi se encontrar depois dos 25 minutos de jogo. Aos 28, o meia Gabriel Sara recebeu na área de Tchê Tchê, que passou para trás. Sara buscou o ângulo direito de Vanderlei mas chutou por cima.

O Grêmio respondeu aos 41 com Pepê. O jogador avançou com velocidade pela esquerda, e concluiu de fora da área, de frente pra marcação. A bola ganhou altura e saiu perto da quina do travessão. Apesar de ter mais posse de bola no primeiro tempo, o São Paulo não chegou a assustar o time gremista, que levou para o intervalo a vantagem de 1 a 0 construída no jogo de ida, em Porto Alegre.

SEGUNDO TEMPO

O Grêmio seguiu controlando a partida na segunda etapa. O São Paulo armava suas jogadas sem velocidade, e tentava envolver a marcação gremista na troca de passes. O atacante Brenner, destaque do time paulista no Brasileirão, praticamente não tocava na bola.

Os minutos foram passando e o Grêmio jogava com o placar “debaixo do braço”. O São Paulo até tentou uma pressão nos minutos finais. Foram bolas levantada para a área gremista, mas a defesa do tricolor gaúcho se postou bem durante todo o jogo e a classificação foi merecida no Morumbi.

O confronto final da Copa do Brasil será contra o Palmeiras. Após empate no jogo de ida em 1 a 1 , o Palmeiras venceu na semifinal o América Mineiro por 2 a 0 nesta quarta-feira, 30, com gols de Luiz Adriano e Rony.

A decisão será nos dias 3 e 10 de fevereiro de 2021. O mando de campo das partidas que irão definir o grande campeão, que garante vaga direta na Libertadores 2021 e mais um prêmio de R$ 54 milhões, será definido em sorteio.

COPA DO BRASIL
SEMIFINAL – VOLTA (IDA 0x1)
SÃO PAULO 0X0 GRÊMIO

Local: Estádio do Morumbi, São Paulo-SP
Data: 30/12, 21h30
Arbitragem: Bruno Arleu de Araujo (RJ), com Luiz Claudio Regazone (RJ) e Thiago Henrique Neto Correa Farinha (RJ).
VAR: Rodrigo Dalonso Ferreira (SC)
Cartões amarelos: Juanfran, Bruno Alves, Fernando Diniz, Toró (São Paulo); Matheus Henrique, Thaciano (Grêmio);
Cartão vermelho: Fernando Diniz (São Paulo)
Gols: 

SÃO PAULO
Tiago Volpi; Juanfran, Arboleda, Bruno Alves (Paulinho Boia), Léo (Toró); Luan (Vitor Bueno), Daniel Alves, Gabriel Sara e Igor Gomes (Tréllez); Tchê Tchê (Hernanes) e Brenner.
Técnico: Fernando Diniz

GRÊMIO
Vanderlei; Victor Ferraz (Ferreira), Rodrigues, Kannemann e Diogo Barbosa; Lucas Silva, Matheus Henrique, Alisson (Thaciano), Jean Pyerre (Darlan) e Pepê (Everton); Diego Souza (Paulo Miranda).
Técnico: Renato Portaluppi