BRASILEIRÃO 07/01/2021 18h45 Atualizado às 21h15

Inter vence fora de casa e volta à vice-liderança

Colorado bateu o Ceará em sua quarta vitória consecutiva no Brasileirão

O Internacional foi até a Arena Castelão, na capital cearense, para enfrentar o Ceará pela 28ª rodada do Brasileirão, nesta quinta-feira, 7.

A equipe da casa foi melhor no primeiro tempo, que terminou sem gols. Na etapa complementar, o Inter aproveitou as chances que teve e marcou com Caio Vidal e Yuri Alberto. A vitória por 2 a 0 deixou o colorado com 50 pontos e na vice-liderança do Campeonato Brasileiro.

PRIMEIRO TEMPO

O jogo começou movimentado. O time da casa atacava o Inter, que saía com perigo nos contragolpes. A primeira boa chance foi iniciada com um lançamento para o atacante Cléber, do Ceará, que recebeu bola nas costas da zaga e invadiu a área. Ele perdeu o domínio ao ingressar na área e a bola sobrou atrás para Vina. O goleiro Lomba estava batido no lance, e o chute foi direto pro gol, mas Victor Cuesta salvou em cima da linha, colocando pra fora de cabeça.

Aos 14 minutos, o goleiro do Inter quase entregou o gol para o adversário. Marcelo Lomba recebeu uma bola atrasada e acabou perdendo o domínio para Cléber, que deixou a bola mais atrás para Charles. O jogador do Ceará concluiu em cima de Lomba, que estava quase fora da área.

O Inter começou o jogo com erros defensivos, e o Ceará perdeu duas boas chances antes dos primeiros quinze minutos.

O colorado melhorou durante o primeiro tempo, igualando a posse de bola com o adversário. Patrick se movimentava bem pela esquerda e Caio Vidal era o mais ativo pela direita. Mas o Ceará seguia atacando com perigo.

Aos 40 minutos, Cléber ganhou da defesa na entrada da área, deixou para Léo Chú, que cruzou na segunda trave. O lateral Moisés foi providencial ao desviar o cruzamento rasteiro de ponta de pé para impedir o gol do time da casa, pois Fernando Sobral chegava para completar.

O Ceará teve chances de abrir o placar na primeira etapa. O primeiro tempo foi de domínio da equipe da casa. O Inter até melhorou durante o decorrer do jogo, mas falhou no último passe antes de conseguir concluir para o gol. O goleiro Richard praticamente não trabalhou, enquanto Lomba mostrou insegurança em pelo menos dois lances, que poderiam ter resultado em gol do adversário.

SEGUNDO TEMPO

Logo no primeiro minuto da segunda etapa, o Inter teve boa chance com Yuri Alberto. O atacante completou de cabeça um chute que saiu dos pés de Praxedes, de fora da área, desviou na defesa e caiu na pequena área. Na conclusão, Richard defendeu.

O segundo tempo começou movimentado, com o Ceará respondendo logo no lance seguinte. Após cruzamento da esquerda, Lomba pulou na bola e desviou ela com a ponta dos dedos. Fernando Sobral pegou o rebote mas definiu prensado com a defesa do Inter, que conseguiu afastar.

Aos sete minutos, o Ceará reclamou um pênalti de Rodinei, que tocou com o braço na bola após cruzamento de Léo Chú. No contragolpe, Edenílson lançou o garoto Caio Vidal na área. Na saída do goleiro Richard, o atacante colorado desviou do defensor e a bola foi calmamente para o fundo das redes, e o Inter abriu o placar no Castelão.

O time do Ceará corria atrás do resultado. A equipe do técnico Guto Ferreira pressionou pelo empate. Com espaço para contra-atacar, o Inter aproveitou nova chance aos 31 minutos. O atacante Abel Hernández, que havia entrado na partida no lugar de Caio Vidal, desviou de cabeça um lançamento longo, quase no meio de campo. A bola foi direto para a área e chegou para Yuri Alberto, que definiu com categoria na frente do goleiro Richard, metendo a bola no canto e fazendo 2-0 para o time visitante.

Aos 42, o Inter ainda perdeu o goleiro Marcelo Lomba, que se lesionou em um lance na linha de fundo, quando se chocou com o zagueiro Rodrigo Moledo. Daniel, que estava sem jogar desde agosto de 2019, no Brasileirão de Aspirantes, foi para o jogo. Mas o arqueiro teve de fazer apenas uma defesa, no chute fraco de Lima da entrada da área aos 50 minutos.

Ao final do jogo, o Inter comemorou a quarta vitória consecutiva no Brasileirão. O time de Abel Braga chegou a 50 pontos no Brasileirão e é segundo colocado na tabela, atrás do São Paulo, que tem 56. Com 28 partidas realizadas, os dois primeiros colocados tem um jogo a mais que Atlético-MG (3º), Flamengo (4º) e Grêmio (5º).

O Ceará ficou na 11ª posição, com 36 pontos.

Na próxima rodada o Inter encara o Goiás no Beira-Rio. A partida é domingo, 10, 18h15. Já o Ceará joga fora de casa contra o Flamengo, também no domingo, 10, início 16 horas.

FICHA TÉCNICA
CAMPEONATO BRASILEIRO – 28ª RODADA

CEARÁ 0X2 INTERNACIONAL
Local: Arena Castelão, Fortaleza-CE
Data: 07/01, 19h00
Arbitragem:  Felipe Fernandes de Lima (MG); com Alessandro de Matos (BA) e Felipe de Oliveira (MG)
VAR:  Adriano Milczvski (PR)
Cartões amarelos: Samuel Xavier, Charles, Bruno Pacheco, Pedro, Lima (Ceará); Yuri Alberto, Victor Cuesta, Abel Hernández (Inter)
Cartão vermelho:
Gols: Caio Vidal, aos 7min/2ºT, Yuri Alberto, aos 32min/2ºT

CEARÁ
Richard; Samuel Xavier, Tiago Pagnussat, Luiz Otávio, Bruno Pacheco; Fabinho (Wescley), Charles (Lima), Vina, Fernando Sobral (Pedro Naressi), Léo Chú e Cléber (Saulo)
Técnico: Guto Ferreira

INTERNACIONAL
Marcelo Lomba (Daniel); Rodinei, Moledo, Cuesta, Moisés; Dourado, Edenílson, Patrick, Praxedes (Lindoso); Caio Vidal (Abel Hernández) e Yuri Alberto (Leandro Fernández).
Técnico: Abel Braga