Tricolor 01/04/2021 16h57 Atualizado às 18h02

Alexandre Mendes vê justiça em empate do Grêmio com o São Luiz

O auxiliar técnico também justificou a escalação com três volantes pelas condições do jogo que apresentava um campo pesado

O Grêmio apenas empatou com o São Luiz, em 2 a 2, na noite dessa quarta-feira, 31, pela oitava rodada do Gauchão. A equipe foi comandada mais uma vez pelo auxiliar Alexandre Mendes. Ao final da partida, ele explicou a opção por uma escalação com três volantes, com Lucas Silva, Darlan e Victor Bobsin no meio-campo, e considerou justo o resultado da partida.

“Foi uma avaliação feita em função do que adversário iria nos propor. Sabíamos também que enfrentaríamos um campo pesado. Precisávamos ter um meio-campo mais forte, mais combativo, mas sem perder a criatividade. O Darlan e o Bobsin têm essa qualidade para municiar a zona ofensiva. No geral, o empate foi o placar mais justo. Eles tiveram boas chances. Nós também tivemos”, considerou.

Alexandre voltou a elogiar o desempenho dos jogadores mais jovens do grupo gremista, especialmente o atacante Léo Pereira, autor do primeiro gol gremista no confronto. “Todos os jogadores da base estão sendo vistos. Estamos sempre sendo minuciados de informações sobre eles. Se o jogador é levado para o time principal, é porque ele demonstrou qualidade antes. O Léo (Pereira) não é nenhuma surpresa. Ele tem muito a crescer, muito a evoluir e com certeza poderá dar muito alegria a nossa torcida”, ressaltou.

Após o primeiro gol no clube, Léo Chú se emocionou. “Fico muito feliz pelo primeiro gol no meu clube do coração. Me cobro muito e fico feliz. Que seja o início de uma trajetória linda aqui no clube”, disse o jogador após a partida. Com o resultado, o Grêmio soma 14 pontos e está em segundo lugar no Gauchão. Na próxima rodada, o Tricolor encara o Inter. O clássico 430 da história será disputado neste sábado, 3, às 22h15, na Arena.


Após perder o pai, avô de Ricardinho morre por Covid

José Alfredo Luis França, avô do atacante Ricardinho, do Grêmio, morreu nesta quinta-feira vítima de complicações causadas pelo novo coronavírus. O jogador do Tricolor se manifestou por meio das redes sociais. “Meu Deus, eu não entendo… Agora, meu vozinho está junto do meu pai. Eu amo demais vocês!”, escreveu.

O Grêmio prestou solidariedade ao atleta e familiares. Na terça-feira, Ricardinho já havia perdido o pai, Ricardo Viana, também em decorrência da Covid-19. Por conta do ocorrido, ele foi liberado das atividades e não atuou pelo Grêmio na partida contra o São Luiz, na quarta-feira, pelo Gauchão.

Thaciano é anunciado pelo Bahia

O Bahia anunciou, na tarde desta quinta-feira, a contratação do meia Thaciano, emprestado pelo Grêmio. O jogador de 25 anos assinou contrato até o fim da temporada e já está regularizado pela CBF. Em três anos pelo Tricolor Gaúcho, o meia entrou em campo 112 vezes e anotou 11 gols. Sob comando de Renato Portaluppi, atuou como meia, volante, ponta direita e até lateral.