Colorado 04/04/2021 21h48

Ramírez promete reação do Inter após derrota

Treinador espera reencontrar o Grêmio na decisão do Gauchão

O Internacional iniciou o dia de aniversário de 112 anos com uma derrota no clássico Gre-Nal. O volante Rodrigo Dourado estava visivelmente chateado pelo revés na Arena. “Controlamos o jogo todo, tivemos bastantes chances para fazer o gol. Mas não sei o que acontece nos Gre-Nais, a gente chega na frente do gol e não consegue fazer, tem medo de chutar, finalizar e ser feliz”, disparou o capitão.

O desabafo foi repercutido. O técnico Miguel Ángel Ramírez concordou com a fala de Dourado. “Tem um problema maior quando não se cria. E hoje, criamos. Me preocupa que não criasse. Mas tem razão o capitão. Nesse tipo de partida, contra rivais de hierarquia fora de casa, temos que aproveitar as chances que temos. Senão o rival chega e aproveita”, comentou.

O vice de futebol João Patrício Hermann entendeu como uma reação natural de quem exerce liderança. “Quem entendeu o jogo, vai entender a cabeça quente do Dourado. Tivemos chances de ganhar o jogo. A indignação do Dourado é a de todos nós. Estamos bastante frustrados porque a vitória não veio. Mas faz parte. O Dourado é um dos líderes do elenco, é uma reação normal de quem é líder. O Inter tem que fazer desse resultado negativo um entendimento para os próximos jogos e porque não venceu esse jogo, porque no jogo contra o São José deixou de matar o jogo. Teremos agora cerca de 10 a 12 dias de treinamentos.”

A produção ofensiva da equipe agradou o treinador. “Creio que geramos e tivemos ocasiões muito claras para abrirmos o placar. Poderiam ser mais, sobretudo porque estávamos encontrando os caminhos, os espaços que o Grêmio nos dava, estávamos construindo bem e posicionados para chegar à área. Se tivéssemos saído com os três pontos, teríamos visto a maior posse de bola de outra maneira”, avaliou.

Ramírez espera virar a página e evoluir nos pontos positivos apresentados em pouco menos de um mês. “Creio que está começando um projeto bonito, que espero que seja longo, e estamos trabalhando em uma linha muito boa, tanto nós como o clube, para poder construir algo importante”, comentou. O espanhol aguarda por mais um Gre-Nal. “Dói perder essa partida contra o eterno rival. Serve de aprendizado. Queremos voltar a nos encontrar, porque acho que ao viver essa experiência, adquirimos o aprendizado suficiente Vamos trabalhar para ter mais ferramentas para quando nos enfrentarmos”, concluiu.

A reapresentação do elenco está marcada para esta segunda-feira, 5, às 16h30, no CT Parque Gigante. O próximo compromisso é contra o Aimoré, no Cristo Rei, ainda sem data e horário definidos.


Bruno Praxedes é cobiçado na Europa

O Internacional deve receber uma proposta pelo meia Bruno Praxedes, de 19 anos. O valor especulado é de 7,5 milhões de euros (R$ 50,3 milhões na cotação atual). Detentor de 70% dos direitos econômicos de Praxedes, o Colorado teria direito a pouco mais de R$ 35 milhões, valor ainda bem abaixo dos R$ 90 milhões previstos no orçamento como meta de arrecadação com venda de jogadores. Os outros 30% está dividido entre empresário (20%) e Fluminense (10%).