Mais dois clássicos 11/03/2018 19h29 Atualizado às 11h02

Grêmio vence o Gre-Nal e equipes voltam a se encontrar nas quartas

Luan marcou duas vezes no primeiro tempo e gol de Rodrigo Dourado não foi o suficiente para o Colorado buscar o empate

Um clássico de dois tempos distintos. Assim foi o Gre-Nal 413, disputado na tarde deste domingo, 11, no Beira-Rio. No primeiro tempo, só deu Grêmio, com amplo domínio na casa adversária. Na etapa final, o Inter voltou com outra postura e foi melhor em campo. Mas balançou a rede somente uma vez, enquanto o Tricolor fez dois gols com Luan nos 45 minutos iniciais. A vitória gremista por 2 a 1 garante a equipe no mata-mata do Gauchão e força mais dois clássicos nas quartas de final.

O Grêmio, que chegou a se preocupar com o risco de rebaixamento, fechou a primeira fase na sexta posição, com 16 pontos, a dois do rival. O Inter, que liderou a fase inicial por algumas rodadas, acabou caindo para a terceira colocação, com 18, sendo ultrapassado por Brasil de Pelotas e Caxias. No mata-mata, decidirá em casa. A primeira partida ocorre já no próximo final de semana, na Arena.


Domínio tricolor na primeira etapa e show de Luan

A primeira chance de gol foi do Grêmio, aos sete minutos Após escanteio, Luan rolou para Maicon, que soltou a bomba e mandou muito perto da meta defendida por Marcelo Lomba. Três minutos depois, foi a vez de Jael levar perigo. E novamente graças a Luan, que fez bela jogada e deixou o camisa 9 na boa. Entretanto, ele finalizou para fora. No minuto seguinte, o Inter tentou responder, mas Edenílson chutou longe do gol, após boa jogada pelo meio.

Mais a vontade em campo, o Grêmio dominava o clássico. Luan, voando em campo, foi decisivo. Aos 24 minutos, após bela jogada de Jailson, o aniversariante Bruno Cortez cruzou para a área e o camisa 7, livre, mandou para o fundo do gol. O tento atordoou o Inter. E o Tricolor aproveitou. Três minutos depois, Everton ingressou na área e foi derrubado na área. Luan bateu o pênalti sem chances para Lomba, ampliando a vantagem.



Luan abraça Jael na comemoração do primeiro gol sobre o Inter
Foto: Lucas Uebel/Grêmio
 

O clima esquentou após o segundo gol e, em diversos lances, jogadores dos dois times se estranharam. Dominado, o Inter tentou diminuiur aos 35 minutos, com Roger mandando para fora. Aos 41 minutos, no lance mais perigoso colorado, D'Alessandro achou Nico Lopez, que chutou em cima de Kannemann. Nos acréscimos, Luan achou Everton livre na área e o atacante mandou para fora, perdendo a chance de marcar o terceiro.


​Gol cedo de Dourado esquenta o jogo no segundo tempo

Com outra postura, o Inter voltou para a etapa final disposto a colocar fogo no jogo. E conseguiu logo nos primeiros minutos. Aos três, D'Alessandro cobrou escanteio e Rodrigo Dourado, de cabeça, descontou para o Colorado. O gol animou a torcida colorada, que passou a incentivar mais a equipe. E o empate por pouco não veio aos 10 minutos, quando Roger isolou a bola após boa jogada de Patrick.

Mais acuado, o Grêmio demorou para aparecer no ataque. Em cobrança de falta de longe, Jael mandou forte, mas sem muito perigo ao gol de Lomba. O Inter respondeu mais uma vez com Edenílson, arriscando de longe, também sustos. Na metade do segundo tempo, um lance curioso. O árbitro Jean Pierre Lima, com um problema muscular, precisou ser substituído por Jonathan Pinheiro. Com mais de seis minutos de paralisação, a situação inusitada esfriou o clima tenso do jogo.



Dourado foi ao ataque e descontou para o Inter logo no começo do 2º tempo
Foto: Ricardo Duarte/Internacional


Odair e Renato mexeram nas suas equipes, e enquanto o Inter buscava o empate, o Grêmio esperava o erro adversário para encaixar o contra-ataque. O clima voltou a esquentar após o técnico Odair Hellmann reclamar muito e pedir pênalti em dois lances. Ele foi expulso e saiu de campo soltando o verbo. Devido às inúmeras paralisações, o jogo foi até os 57 minutos. Mas chance de gol, mesmo, somente nos acréscimos. D'Alessandro bateu falta, a bola desviou e passou muito perto da meta gremista. 


FICHA TÉCNICA
CAMPEONATO GAÚCHO 2018 - ÚLTIMA RODADA
INTERNACIONAL 1x2 GRÊMIO

Local: Estádio Beira-Rio, em Porto Alegre
Data: 11 de março de 2018, Domingo
Horário: 17 horas (de Brasília)
Árbitro: Jean Pierre Gonçalves Lima (Jonathan Pinheiro)
Cartões amarelos: D'Alessandro, Victor Cuesta, Edenílson (Internacional); Kannemann, Maicon (Grêmio)
Gols: Luan (Grêmio) - 24 min/1ºT e 27 min/1ºT; Rodrigo Dourado (Internacional) - 2 min/2ºT

INTERNACIONAL
Marcelo Lomba; Dudu (Gabriel Dias), Klaus, Víctor Cuesta e Iago; Rodrigo Dourado, Edenilson, Patrick (Wellington Silva) e D’Alessandro; Nico Lopez e Roger (Marcinho)
Técnico: Odair Hellmann

GRÊMIO
Marcelo Grohe; Madson (Alisson), Pedro Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Jailson, Maicon, Ramiro, Everton (Marcelo Oliveira) e Luan; Jael (Michel)
Técnico: Renato Portaluppi