Levantamento

Santa Cruz é a cidade que mais contratou no País no primeiro trimestre

Levantamento também traz Venâncio Aires, Vacaria, Bom Jesus e Novo Hamburgo como representantes gaúchas

Foto: Banco de Imagens/Gazeta do Sul


Um levantamento realizado pelo Ministério do Trabalho em nível nacional aponta que Santa Cruz do Sul é o município brasileiro que mais contratou pessoas no primeiro trimestre de 2016. Outras quatro cidades gaúchas também figuram na lista de cidades com grandes números de contratações: Venâncio Aires, em quarto lugar, Vacaria, em sexto lugar, Novo Hamburgo, em 17º lugar e Bom Jesus, na 32º posição. Conforme os dados do governo federal, desde o início do ano já foram perdidas 319.150 vagas.

Segundo o Ministério, o resultado dos primeiros três meses de 2016 foram negativos. Apenas em março, cerca de 118.776 vagas de emprego foram perdidas. Esta demissão em massa ocorre em meio à forte queda do nível de atividade, com a economia brasileira passando por uma das maiores recessões dos últimos tempos.

De janeiro a março, as capitais lideraram a relação de cidades com o maior número de vagas perdidas, de acordo com os dados do MTE. Entre os municípios que mais contrataram, porém, estão cidades do interior do Rio Grande do Sul, São Paulo, Minas Gerais e Santa Catarina.

Confira as duas listas completas:

As 50 cidades que mais contrataram no primeiro trimestre

RS-Santa Cruz do Sul, 5064

SP-Franca, 4936

MG-Nova Serrana, 3248

RS-Venâncio Aires, 3188

SC-Blumenau, 2801

RS-Vacaria, 2780

GO-Cristalina, 2057

SP-Guairá, 1579

SP-Vista Alegre do Alto, 1277

PR-Capanema, 1265

MG-São Gotardo, 1234

SP-Birigui, 1181

AL-Arapiraca, 1087

MA-Imperatriz, 1006

SP-Jose Bonifácio, 974

SP-Vinhedo, 954

RS-Novo Hamburgo, 945

PA-Canaã dos Carajás, 872

SP-Castilho, 834

SC-Chapeco, 817

SP-Barretos, 796

SP-Pontal, 754

MT-Paranaíta, 754

SC-Tubarão, 751

SP-Pitangueiras, 747

SC-Timbó, 738

MT-Campo Novo do Parecis, 713

SP-Planalto, 711

SP-Ariranha, 705

SC-Brusque, 696

SC-São Joaquim, 675

RS-Bom Jesus, 674

GO-Rio Verde, 672

BA-Juazeiro, 649

BA-Dias D’Ávila, 648

PR-Rio Negro, 646

SP-Itapira, 643

SP-Franco da Rocha, 633

SP-Novo Horizonte, 630

MT-Campo Verde, 620

PR-Palmas, 619

SC-São Jose, 615

PE-Goiana, 608

SP-Vargem Grande Paulista, 598

SP-Mendonca, 595

SP-Pindamonhangaba, 590

GO-Goiatuba, 583

MT-Claudia, 579

SP-Adamantina, 575

SP-Monções, 573

As 50 cidades que mais demitiram no primeiro trimestre:

RJ-Rio de Janeiro: -32164

SP-São Paulo: -30336

MG-Belo Horizonte: -14821

AM-Manaus: -10792

PE-Recife: -8695

SP-Matão: -7141

MA-São Luís: -7107

CE-Fortaleza: -7086

DF-Brasília: -6908

BA-Salvador: -6141

PI-Teresina: -5889

SP-Bebedouro: -4770

PR-Curitiba: -4612

SP-Guarulhos: -4523

SP-Osasco: -4420

AL-Rio Largo: -4070

SP-Cubatão: -3916

SP-Sao Bernardo do Campo: -3839

RS-Porto Alegre: -3827

SP-Campinas: -3783

RJ-Macaé: -3747

AL-Maceió: -3576

GO-Goiânia: -3540

SP-Barueri: -3514

PR-Ortigueira: -3461

MG-Contagem: -3220

RJ-Volta Redonda: -3160

RJ-Duque de Caxias: -3130

PE-Cabo de Santo Agostinho: -3092

SP-Santo André: -2906

PB-Joao Pessoa: -2862

RN-Natal: -2843

PE-Rio Formoso: -2843

RJ-Niterói: -2833

SC-Florianópolis: -2810

PB-Santa Rita: -2774

RJ-Campos dos Goytacazes: -2632

SP-Itapevi: -2558

ES-Serra: -2553

RO-Porto Velho: -2484

AL-São José da Laje: -2430

PE-Ipojuca: -2422

PE-Barra de Guabiraba: -2353

PE-Sirinhaém: -2334

PE-Igarassu: -2286

RN-Mossoró: -2278

SP-São José dos Campos: -2256

PA-Altamira: -2223

BA-Camaçari: -2112






Continue lendo