#sextou 27/04/2018 18h15 Atualizado às 20h59

Elas indicam: cervejas e drinks para você experimentar no fim de semana

As repórteres do Portal Gaz colocaram nesta lista as bebidas favoritas do momento para curtir enquanto o frio ainda não chega

Já que o frio não dá as caras e a temporada de vinhos ainda não está "oficialmente" aberta, as repórteres do Portal Gaz escolheram compartilhar algumas boas opções de cervejas artesanais, drinks e batidas para curtir enquanto o calorzinho ainda está entre nós. Algumas indicações já têm até receita para ninguém ficar com a desculpa de que não experimentou porque não sabia fazer! Confira nossos favoritos do momento.

OBS: Vale lembrar que é sempre bom pegar leve na bebida, né? A recomendação beba com moderação tá valendo!

Batida de frutas

Indicação da Naiara Silveira


Uma opção de fruta para esta receita é o morango - a favorita da Naiara
Foto: Divulgação

Sempre fui - assumidamente - meio nojenta para bebidas alcoólicas. A bebida tem que ser das docinhas (por isso nunca fui muito fã da cerveja). A minha indicação desta semana é um drink doce, com gostinho de fruta. A batida é para os assumidamente chatos, como eu! ~brincadeirinha~

O interessante da batida é que você pode adaptar ao sabor que você desejar. Eu, particularmente, gosto muito dos sabores morango e maracujá. Para ajudar, passo a minha receitinha:

Você vai precisar de:                                      

  • Vodka (ou cachaça, para quem preferir)
  • Suco concentrado da fruta
  • Porção pequena da fruta (opcional / fica bom em morango e maracujá)
  • Leite condensado
  • Gelo

As quantidades variam bem do seu gosto: se curte mais o sabor da vodka, capricha no álcool. Se gosta mais doce, como eu, capricha no suco e no leite condensado. A regra, no geral, é bater todos os ingredientes no liquidificador até ficar bem misturadinho. Depois, é só servir com umas pedrinhas de gelo!

Bônus: caso você não possa beber (alô, gravidinhas), ou as crianças fiquem com inveja do drink, a versão sem álcool é bem parecida. É só trocar a vodka por refrigerante de limão. A proporção é a mesma e o gostinho fica bem bom!

Batida de coco

Indicação da Karolaine Pereira


Uma batida para quem gosta de bebidas bem doces
Foto: Divulgação

Eu não gosto de cerveja. E quem compartilha desse mesmo gosto comigo sempre tem dificuldades nas sociais com os amigos. E eu como “diferentona” do rolê tive que encontrar uma alternativa de bebida. Foi então que conheci a batida de coco. Ela é ótima pra quem prefere algo mais docinho, e que, com certeza, “pega rápido”, hehe.

A receita é simples, basta colocar leite de coco, leite condensado, gelo, vodka e água no liquidificador e bater tudo. As quantidades dependem do tanto que você pretende fazer. Para um liquidificador inteiro, uma caixa de leite condensado e um frasco de leite de coco é suficiente. A água e a vodka devem ser colocados de acordo com o teor de álcool que você quer ingerir. Quanto mais água, mais fraco. Quanto mais vodka, mais forte. As marcas também são da escolha de cada um, e geralmente esses são produtos baratos. Um liquidificador inteiro rende pelos menos cinco taças pequenas. Também é possível fazer a opção sem álcool.

Aperol Spritz

Indicação da Paola Severo


Drinks com aperol são a nova tendência de bebidas no Brasil
Foto: Divulgação

Eu não costumo beber muito, mas quando escolho pelo álcool geralmente vou pelo caminho dos drinks. No ano passo provei pela primeira vez o Aperol Spritz, que é simplesmente o melhor drink ever (Blue Lagoon, Tequila Sunrise e Cosmopolitan que me perdoem). Foi amor ao primeiro gole! Mesmo no meu caminho de provar vários drinks diferentões com bebidas diferentes, estou na busca de um que supere meu amor por essa combinação.

A bebida é famosa no verão europeu por causa do sabor refrescante, e não vejo motivo nenhum pra gente não se tornar adepto aqui neste forninho chamado Brasil. O Aperol foi criado na Itália em 1919, e é desenvolvido à base de uma infusão de raízes e ervas e tem grau alcoólico de 11%, ele tem se tornado mais popular no país recentemente. A receita do drink leva gelo, três partes de prosecco, 2 partes de Aperol, 1 parte de água com gás e uma fatia de laranja para decorar. É sucesso pra quem gosta de bebidas mais docinhas e cítricas, e não é muito forte. Vale provar! 

Mojitos

Indicação da Maria Helena Lersch


Ainda mais refrescantes que a caipirinha!
Foto: Divulgação

Gosto de cerveja, martini, espumante, coquetéis, caipirinha, mas cada um tem o momento ideal para ser consumido. Diferente do mojito, que pra mim cai bem em qualquer momento de descontração. Para quem não conhece, o drink é bastante parecido com a caipirinha de limão, mas na minha opinião, é mais fraco e refrescante. O preço da bebida geralmente fica em torno de R$ 20,00 e é possível encontrar ela em vários bares e restaurantes aqui em Santa Cruz. Mas pra quem quer se aventurar e tentar fazer, a receita é bem simples:  misture 1/2 copo de água com gás ou soda (cerca de 100ml), uma dose de rum branco, uma colher de sopa de açúcar, cerca de dez folhas de hortelã, muito gelo e suco de um limão. Se provar, conta pra gente o que achou!

Cervejas artesanais Weiss e Porter

Indicação da Gabriela Etges


A cerveja estilo Porter é escura e tem um gosto levemente adocicado
Foto: Divulgação

Já que todas as meninas aqui indicaram drinks e batidas, me sinto na obrigação de representar esta bebida maravilhosa que é a cerveja. Até gosto de drinks e batidas de vez em quando, mas por ser tão doce, sou adepta de uma boa cerveja ou chope na maioria das ocasiões - principalmente se for artesanal. 

No verão, eu adoro a cerveja Weiss, da HBier, marca aqui de Santa Cruz. É uma cerveja à base de trigo com um gosto suave e textura supercremosa que, servida bem gelada, fica maravilhosa. Já nos dias mais frios, eu prefiro alguma com o sabor mais intenso, acho que combina mais. Por isso, nessas ocasiões eu adoro a Porter, da Heilige (sou fã das cervejarias santa-cruzenses mesmo!). A cerveja é um pouco mais forte mesmo, mas a combinação de café, chocolate e caramelo disfarça o amargor e a deixa muito saborosa!

Cerveja sem álcool

Indicação da Luana Rodrigues


Das opções que testei essa foi a quem mais se parece com a cerveja "normal"
Foto: Divulgação

Representando as gravidinhas, venho aqui deixar meu relato sobre cerveja sem álcool. Se bem que a bebida não é destinada apenas para grávidas, né? Se precisar dirigir, se estiver tomando remédio... Sempre pode rolar de ter que experimentar a sem álcool. Durante minha gravidez testei (até agora) a Brahma, a Itaipava e a Província (todas zero). A que mais se parece com a cerveja "normal" é a Brahma. Descobri que nos mercados ela pode variar até R$ 0,50 a lata, ou seja, vale pesquisar.