Na assembleia 11/07/2019 22h10 Atualizado às 11h06

Comung mostra relevância de instituições comunitárias

Universidades se colocaram como parceiras para desenvolver o Estado e ajudar na superação dos desafios atuais

O Consórcio das Universidades Comunitárias Gaúchas (Comung) protagonizou, na manhã da última quarta-feira, um encontro na Assembleia Legislativa, a fim de descrever as potencialidades das instituições comunitárias como parceiras do Estado na busca de desenvolvimento econômico e social.

O café da manhã reuniu mais de 20 deputados estaduais, liderados pelo presidente da Casa, Luís Augusto Lara, e pelo representante do governador Eduardo Leite, o secretário de Inovação, Ciência e tecnologia, Luís da Cunha Lamb. A presidente do Comung e reitora da Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), professora Carmem Lúcia de Lima Helfer, destacou algumas iniciativas já implementadas pela Assembleia, como as frentes parlamentares de apoio às comunitárias e à ciência e tecnologia.

Também afirmou que é preciso perceber o importante papel das instituições de ensino superior para superar os momentos difíceis pelos quais o País vem passando. O evento também dedicou forte atenção para Bagé e região, uma vez que a vice-presidente do Comung, a reitora da Universidade da Região da Campanha (Urcamp), professora Lia Maria Herzer Quintana, mobilizou líderes regionais, como o próprio presidente da Assembleia e o deputado Luiz Fernando Mainardi, ex-prefeito de Bagé, em torno do tema.

“As universidades e a inovação são o segredo dos principais países do mundo onde houve crescimento econômico e desenvolvimento social. Não há melhoria nas condições de produção e de vida das populações sem investimentos e apoio às instituições de ensino superior. Então, isso não deve ser diferente no Brasil e no Estado”, disse ela.

LEIA MAIS: Reitora da Unisc encontra Bolsonaro em Brasília