Estado 25/03/2020 08h13 Atualizado às 08h45

Rio Grande do Sul registra primeira morte por coronavírus

Mulher, de 91 anos, estava internada na UTI do Hospital Moinhos de Vento desde segunda

O prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan, anunciou na madrugada desta quarta-feira, 25, a primeira morte por coronavírus na Capital. O óbito também é o primeiro registrado no Rio Grande do Sul. A vítima é uma mulher de 91 anos, que estava na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Moinhos de Vento desde segunda-feira, 23, quando já chegou em estado grave. A morte foi registrada na noite desta terça-feira, 24.

“Lamentamos muito, esperamos que nossas medidas possam evitar que isso seja uma constante em nossa cidade. Mas precisamos de todos. Isso não é uma questão jurídica, ideológica. É uma questão fática e de saúde”, disse o prefeito na postagem.

Em seu perfil no Twitter, Marchezan afirmou que Porto Alegre tem nove pacientes internados em UTI devido ao coronavírus. Outras 26 pessoas também estão em leitos de tratamento intensivo apenas com suspeita da Covid-19. O prefeito aproveitou para reforçar que não é preciso ter pânico e as medidas de segurança são simples. “Isolamento. O momento é muito grave, precisamos da conscientização e participação de todos.”