Após o tri 10/01/2018 18h08 Atualizado às 18h37

Gremistas pagam promessa e caminham de Santa Cruz a Rio Pardo

Grupo de amigos cumpriu o pacto após a conquista do título da Libertadores no ano passado

Sete amigos, torcedores do Grêmio, foram de Santa Cruz do Sul a Rio Pardo a pé no último domingo, 7, para pagar a promessa feita antes da Libertadores. O grupo prometeu cumprir o pacto caso o time ficasse tricampeão da América. Com a conquista do título, não teve jeito: eles encararam o desafio e saíram de um posto de gasolina no Bairro Arroio Grande, em Santa Cruz, às 5 horas, chegando em Rio Pardo às 11h20. Mesmo com a distância de cerca de 34 quilômetros e o calor intenso, os gremistas não desanimaram e, abaixo de sol, seguiram até o fim.

Gustavo Gerhard, de 26 anos; Guilherme Gerhard, 29; Eliseu Pereira, 30; Jonathan Eduardo, 22; Joice Jantsch, 35; Lauri Buboltz, 31 e Meily Diene, 27, fizeram a promessa em 22 de junho do ano passado, cerca de cinco meses antes da final da Libertadores, que aconteceu no dia 29 de novembro, quando o Grêmio ganhou de 2 a 1 contra o Lanús. O último título do tricolor no campeonato tinha sido conquistado em 1995. Foi o hiato de mais de 20 anos que levou o grupo ao pacto.

"Nós estávamos conversando sobre a importância que um título da Libertadores tem, ainda mais para o Grêmio, que estava há tantos anos sem ganhar, e foi aí que decidimos fazer a promessa", contou Eliseu. Para o Mundial, o grupo não quis prometer nada para "não atrapalhar a promessa anterior".

No domingo, após mais de seis horas de caminhada até Rio Pardo, o grupo foi até a Estação Rodoviária do município e retornou a Santa Cruz de ônibus. "Foi uma experiência cansativa, mas muito válida. Com certeza valeu a pena", destacou Eliseu.

Agora, os torcedores já estão de olho no tetra da Libertadores e consideram uma promessa ainda maior caso o Grêmio avance no campeonato de 2018. "Aí vamos ter que aumentar a promessa e caminhar uma distância ainda maior. Quem sabe chegamos aos 40 quilômetros?" brincou Eliseu.


Após chegarem a Rio Pardo, eles retornaram a Santa Cruz de ônibus
Foto: Reprodução/WhatsApp


Grupo levou mais de seis horas para chegar ao destino
Foto: Reprodução/WhatsApp