Grêmio 10/01/2019 01h22 Atualizado às 07h43

Walter Montoya já aparece entre os titulares do Tricolor

Reforço mais recente, meia participa de atividade leve no time considerado principal no treino matutino no CT Luiz Carvalho

Walter Montoya chegou a Porto Alegre no sábado, assinou contrato, começou a fazer exercícios físicos com os novos companheiros na segunda-feira e foi oficialmente apresentado como reforço do Grêmio na terça. Nessa quarta-feira pela manhã, ele figurou dentro do grupo que tinha os principais jogadores do elenco, o que indica o time que deve ser titular nesta nova temporada.

Sem a presença do técnico Renato Portaluppi, que está em recuperação após cirurgia cardíaca feita no último sábado, o auxiliar Alexandre Mendes colocou Montoya no grupo que tinha Léo Moura, Pedro Geromel, Walter Kannemann, Bruno Cortez, Michel, Maicon, Luan, Everton e Jael. Como os goleiros treinaram separadamente, a composição do 11 titular ficaria pendente da escolha entre Paulo Victor, remanescente da temporada passada, e Júlio César, buscado no Fluminense.

Na segunda parte do treino matutino, Mendes distribuiu os jogadores em três times para um exercício de ataque contra defesa. Os goleiros continuaram no trabalho separado comandado pelo preparador Rogério Godoy. À tarde, o elenco gremista voltou ao CT Luiz Carvalho para atividades físicas orientadas por Rogério Dias Luiz. O Grêmio utilizará o time de transição (sub-21) nas primeiras rodadas do Gauchão. A estreia será no dia 20 deste mês, às 17 horas, contra o Novo Hamburgo no Estádio do Vale.

Renato avisa a torcida para se preparar a novos títulos

Cinco dias depois de passar por cirurgia para corrigir uma arritmia cardíaca, Renato Portaluppi deu entrevista coletiva na tarde dessa quarta, no CT Luiz Carvalho, assegurou que está pronto para dar sequência ao seu trabalho no Grêmio e avisou a torcida para preparar as próximas comemorações. “Nós vamos brigar por mais títulos. Esse é o nosso objetivo em 2019”, definiu o técnico.

Renato, de 56 anos, foi operado no último sábado, recebeu alta médica na segunda-feira e já compareceu ao CT do Grêmio na terça, quando acompanhou um trabalho físico do elenco. A arritmia não trazia riscos ao treinador, mas poderia provocar problemas futuros, o que levou à decisão de realizar a cirurgia para corrigir um problema que ele tinha havia quatro anos.

De volta aos trabalhos, o treinador considerou normais as saídas do goleiro Marcelo Grohe e do volante Ramiro, titulares da equipe no ano passado. “Isso acontece todo fim de temporada. Pelo que o Grêmio jogou ano passado, não ficaria surpreendido se outros jogadores também tivessem propostas para sair”, comentou ele – e lamentou o fracasso na negociação com Thiago Neves, que renovou seu contrato com o Cruzeiro.

O técnico aprovou a permanência de boa parte do grupo do ano passado. “Temos a melhor dupla de zaga da América do Sul”, enfatizou, referindo-se a Pedro Geromel e Walter Kannemann. Renato também aposta em uma boa produção dos demais titulares, embora tenha admitido uma chance de perder Everton, que foi destaque do time no ano passado.

“Pelo que o Everton jogou ano passado, é difícil de segurar, se houver proposta”, alertou. Quanto a Luan, o treinador espera que o jogador consiga se livrar das recorrentes dores na sola do pé direito. “O desejo é que ele volte a jogar o que sabe”, frisou.

Foto: DivulgaçãoTécnico apareceu no CT tricolor para entrevista ontem
Técnico apareceu no CT tricolor para entrevista 

 


MAIS LIDAS