Oriente Médio 19/10/2018 19h54

Arábia Saudita confirma morte de jornalista em consulado após luta corporal

Jamal Khashoggi, saudita crítico ao governo de Riad, era considerado desaparecido desde o dia 2 de outubro

A Arábia Saudita admitiu nesta sexta-feira, 19, que o jornalista desaparecido Jamal Khashoggi foi morto dentro de seu consulado na Turquia, informou a TV estatal saudita. 

De acordo com o Ministério Público, as investigações revelaram que discussões ocorreram entre o jornalista e pessoas que estavam no consulado em Istambul, e que a discussão levou a uma luta entre eles. O confronto então levou o jornalista à morte. 

O Ministério Público confirmou ainda que 18 pessoas, todas sauditas, foram indiciadas e serão levadas à justiça.