Crime 11/05/2019 08h14 Atualizado às 08h48

Polícia Civil investiga morte de empresário em Santa Cruz

Dono de uma padaria foi encontrado pelo filho desacordado

A Polícia Civil de Santa Cruz do Sul investiga a morte do empresário Evaldo Müller, que faleceu na noite dessa sexta-feira, 10, em Santa Cruz do Sul. A morte do homem de 80 anos foi confirmada às 18h40 pelo Hospital Ana Nery, onde ele estava internado. O caso é investigado como homicídio.

Müller foi encontrado ferido e desacordado no último dia 28, no Bairro Ana Nery. Conforme o registro feito na Delegacia de Polícia de Pronto-Atendimento (DPPA), o filho encontrou Müller ferido dentro de um carro, na garagem da padaria da vítima. Inicialmente, familiares acreditavam que o homem havia sofrido um acidente vascular cerebral (AVC).

Após a internação dele e a realização de exames, no entanto, foram constatadas duas lesões na cabeça que causaram um traumatismo craniano hemorrágico. A suspeita é de que a agressão tenha ocorrido dentro da padaria. Entretanto, nada foi roubado.

O empresário, natural de Rio Pardo, esteve internado na UTI do Hospital Ana Nery em estado grave desde o dia 28. O óbito teria ocorrido em decorrência do traumatismo. O caso, inicialmente registrado como tentativa de homicídio, é investigado pela Polícia.

O velório de Evaldo Müller ocorre na capela da Funerária Halmenschlager, junto ao cemitério Ecumênico da Paz Eterna. O sepultamento está previsto para as 9h30 deste domingo no Cemitério Santo Antônio. O empresário deixa enlutados a esposa, dois filhos e três netos.