Santa Cruz 27/09/2019 16h25 Atualizado às 16h44

Empresa de segurança privada é alvo de operação da Polícia Federal

Na região, três empresas de Venâncio Aires também estão sendo averiguadas

Um empresa do ramo da segurança privada de Santa Cruz do Sul é alvo de uma operação da Polícia Federal nesta sexta-feira, 27. A ação de fiscalização acontece desde o início da manhã, em todo o país, em estabelecimentos suspeitos de atuarem de forma irregular. A Brigada Militar está no apoio da ofensiva. Na região, três empresas de Venâncio Aires também estão sendo averiguadas. 

No estado, a operação acontece em Gravataí, Campo Bom, Porto Alegre, São Leopoldo, Bagé, Caxias do Sul, Itaara, Santa Maria, Carazinho, Santa Rosa, Santo Ângelo e Santana do Livramento. Até o momento, a PF não divulgou detalhes sobre as ações. Segundo a imprensa da Capital, uma empresa de Porto Alegre, que não teve o nome divulgado, foi fechada no Bairro Floresta. Os dados finais da operação devem ser divulgados no final da tarde.

A lei determina que as ampresas de segurança privada devem obter Autorizações de Funcionamento mediante comprovação de preenchimento dos requisitos legais e regulamentares, o que deve ser comprovado à PF. As empresas também devem provar que utilizam vigilantes devidamente treinados e capacitados para a atividade.