Caso Timm 29/06/2020 19h31

Envolvidos na morte de empresário em Vera Cruz se apresentam à polícia

Acompanhada de advogados, dupla alegou legítima defesa. Polícia Civil vai investigar

Os dois homens envolvidos na morte do empresário Gilson Celmar Timm, de 43 anos, no fim da noite de sábado, 27, em Linha Ferraz, interior de Vera Cruz, compareceram na Delegacia de Polícia Civil do município, acompanhados de advogados, nesta segunda-feira, 29. Conforme o delegado Paulo César Schirmann, ambos alegaram legítima defesa.

“Nas declarações deles, teria acontecido uma luta corporal e, em dado momento, conseguiram desarmar a vítima e efetuar os disparos”, comentou Schirmann. Segundo o delegado, já existia uma relação de conflito e animosidade entre Gilson e um dos participantes, que possui vínculo familiar. “A dupla sustentou também que a vítima teria feito ameaças. De acordo com o depoimento deles, um dos participantes, que não seu familiar, efetuou quatro disparos. Depois, ambos saíram do local.”


LEIA MAIS: Investigação sobre morte de empresário começa nesta segunda

Conforme o delegado Paulo César Schirmann, não se questiona mais o autor do crime, no entanto, faltaria apurar as circunstâncias que ocasionaram a morte de Gilson Celmar Timm. “O que foi dito por eles agora vai ser objeto de investigação. Vai ser feito uma confrontação de tudo que nos informaram, com o que vamos apurar, bem como a perícia no revólver 38 que já se encontra apreendido. Vamos verificar a possibilidade de câmeras, além de outros depoimentos que devem ser colhidos. Isso será feito nos próximos dias”, complementou Schirmann.

Timm foi morto com pelo menos três tiros | Foto: Reprodução

Relembre

A polícia acredita que Timm tenha sido morto por volta das 23 horas de sábado, 27. O corpo foi encontrado em frente à fábrica de barcos da qual ele era proprietário, no quilômetro 323 da RSC-153, em Linha Ferraz, por volta das 2 horas, já na madrugada de domingo. Foram percebidas pelo menos três perfurações causadas por tiros, nas costas e na cabeça.

LEIA MAIS: Homem é morto a tiros em Vera Cruz