Operação Hemera 30/06/2020 09h50 Atualizado às 10h23

VÍDEO: Polícia Federal investiga fraudes no Proagro

A investigação teve início em 2019 para apurar possíveis irregularidades na obtenção do seguro agrícola, referentes às safras de 2016 e 2017

A Polícia Federal deflagra, na manhã desta terça-feira, 30, a Operação Hemera que investiga fraudes no Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro) do Governo Federal. Cerca de 30 policiais federais cumprem nove mandados de busca e apreensão nos municípios de Passo Fundo, Ijuí, Tapera e Salto do Jacuí.

A investigação teve início em 2019 para apurar possíveis fraudes na obtenção do seguro agrícola, referentes às safras dos anos de 2016 e 2017. Os agricultores, após obterem financiamento agrícola através dos Programas Federais Pronaf e Pronamp, alegavam perdas na produção e utilizavam notas fiscais de aquisição de insumos adulteradas para então receber o seguro.

LEIA TAMBÉM: Polícia Federal desarticula organização criminosa responsável por ataques cibernéticos

Diligências realizadas identificaram que um grupo de empresas e pessoas físicas forneciam essas notas fiscais aos agricultores. Os crimes investigados são falsificação de documento particular, uso de documento falso e tentativa de estelionato. A operação foi denominada Hemera, deusa mitológica grega que representa o Sol, o ciclo da manhã e a fertilidade da terra.

LEIA TAMBÉM: Polícia Federal investiga comércio de notas falsas em rede social