Investigação 02/09/2020 11h06 Atualizado às 14h58

Desaparecimento pode ter relação com homicídio em Rio Pardo

De acordo com a Polícia Civil, carro usado no crime, que ocorreu na sexta-feira, 28, era de Patrick Brum Dall Ongaro, que está desaparecido

A Polícia Civil continua investigando o desaparecimento de Patrick Brum Dall Ongaro, de 30 anos. Ele, que é natural e morador de Cruz Alta, foi visto pela última vez na sexta-feira, 28, quando havia sido chamado para buscar uma encomenda em Rio Pardo.

De acordo com o delegado Anderson Faturi, além da busca por Ongaro, uma investigação está sendo feita para descobrir a ligação do desaparecimento do homem com o homicídio que ocorreu em Rio Pardo na sexta-feira à noite. O veículo, um GM Onix, usado pelos criminosos era o mesmo carro que Ongaro dirigia quando chegou ao município.

Segundo Faturi, a investigação que está sendo feita tem como objetivo descobrir a relação do homicídio com o desaparecimento. “Estamos tentando localizá-lo, saber onde ele está. Se foi vítima de algum crime ou se, por algum motivo, está se escondendo. Seja porque pode ter tido participação no homicídio ou porque tenha sido vítima de algum tipo de crime”, afirmou.

LEIA TAMBÉM: Familiares procuram morador de Santa Cruz que está desaparecido

Homicídio em Rio Pardo

Na sexta-feira, 28, um homem de 34 anos foi morto a tiros no Bairro Fortaleza, em Rio Pardo. O crime ocorreu na Rua General Godolfin, em frente à casa em que residia. Ele chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Regional do Vale do Rio Pardo, mas não resistiu e faleceu.

LEIA MAIS NOTÍCIAS DE SEGURANÇA PÚBLICA