Rio Grande do Sul 11/07/2018 14h30 Atualizado às 15h26

Número de mortes por Influenza quase dobra em uma semana

Conforme o último boletim epidemiológico da Secretaria Estadual da Saúde, 14 pessoas morreram neste ano

O número de mortes por Influenza quase dobrou na última semana no Rio Grande do Sul. Segundo o último boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde (SES), até o sábado passado, 7, foram registrados 193 casos e 14 mortes em decorrência do vírus no Estado. No informativo anterior, que considerou o período do início do ano até o dia 30 de junho, oito óbitos teriam sido confirmados. Além disso, houve um aumento de 49 casos de uma semana para a outra.

Conforme a Secretaria Estadual de Saúde, dentre as vítimas, nove contraíram o vírus da Influenza A, do subtipo H1N1; duas Influenza A H3N2; duas Influenza A não subtipado; e uma Influenza B. As mortes aconteceram em Canela, Canoas, Flores da Cunha, Gramado, Lajeado, Porto Alegre, São Leopoldo, São Marcos, Sapiranga, Tupanciretã e Vera Cruz. No mesmo período do ano passado, o Rio Grande do Sul já havia registrado 388 casos e 40 mortes em decorrência da gripe.

LEIA MAIS: Vera Cruz tem a primeira morte por gripe na região este ano

No Vale do Rio Pardo, uma mulher que morava no interior de Vera Cruz acabou morrendo no dia 15 de junho, após contrair o vírus Influenza B. De acordo com a 13ª Coordenadoria Regional de Saúde (CRS), a vítima tinha sido vacinada em abril, porém, a imunização ainda não estava fazendo efeito quando ela se contaminou.

Esse foi a única morte por gripe registrada até agora na região. O boletim epidemiológico desta semana também confirmou que dois pacientes contraíram Influenza em Santa Cruz do Sul. Em Lajeado, houve uma morte e 13 casos do vírus confirmados neste ano.