Roda de conversa 03/12/2018 23h10 Atualizado às 12h11

Atividade mostra experiências na área da educação

Encontro revela como é possível transformar o ensino com muito pouco, incentivando o protagonismo

A educadora e coordenadora do programa Escolas Transformadoras, Raquel Franzim, participa hoje e amanhã da roda de conversa sobre as experiências da ação, no Laboratório de Inovação Social da Mercur. Durante o dia haverá exibição de um episódio da série Corações e mentes, escolas que transformam, que estreou em outubro, mostrando aquelas que protagonizam grandes transformações na educação do Brasil. Em razão da procura, a Mercur abriu mais um turno de atividades.

A roda de conversa tem como objetivo mostrar a experiência das escolas participantes do programa Escolas Transformadoras. Muitas delas são retratadas na série Corações e Mentes: escolas que transformam, veiculada pela GNT e que mostra como é possível transformar a educação com muito pouco, incentivando o protagonismo das pessoas e acreditando que todo mundo pode transformar algo em sua realidade. A iniciativa é da Ashoka, organização global que reúne empreendedores sociais de diversas partes do mundo, coordenada no Brasil pelo Instituto Alana.

No período da tarde as atividades acontecem internamente, para o público de colaboradores da Mercur. À noite, a partir das 18h30, a exibição, palestra e roda de conversa será aberta à comunidade, mas as vagas disponíveis já estão esgotadas. Por isso, houve a abertura de mais uma turma para a manhã de quarta-feira, das 8h30 às 11h30. As inscrições podem ser feitas pelo site do Laboratório de Inovação Social. Após a exibição do vídeo, a educadora vai propor aos participantes um diálogo sobre o valor do trabalho em grupo e o que levam para suas vidas estudantes, educadores e famílias que exercitam a capacidade de trabalhar em parceria, tema do episódio.

A ideia é debater como cada um pode ser capaz de liderar de forma colaborativa, praticando o exercício da cidadania. “A nossa vinda a Santa Cruz acontece em parceria com a Mercur porque assim como nós ela busca provocar mudanças sistêmicas, mudanças que não acontecem só nas escolas ou só nas empresas, elas ocorrem na comunhão de todos, de escola com iniciativa pública e privada e com meios de comunicação”, afirma Raquel. “É preciso somar muitos esforços para transformar a educação, para levar essa mensagem e oportunidade ao maior número de pessoas possível. A educação não sai nunca da nossa vida, por isso é muito importante transportar essa inspiração também para o trabalho das pessoas.”

Educadora desde 1995, Raquel Franzim atuou como professora, coordenadora pedagógica e formadora de professores. Destes, 14 anos foram dedicados ao ensino público na rede municipal da cidade de São Paulo. Especializou-se em educação para bebês e crianças pequenas. Tem experiência de trabalho com adolescentes e jovens em medida socioeducativa e qualificação profissional relacionada a pessoas em situação de vulnerabilidade social. Desde 2015, é assessora pedagógica do Instituto Alana e cocoordena o programa Escolas Transformadoras do Brasil com a Ashoka.

 

Serviço

Roda de Conversa sobre o programa Escolas Transformadoras,
com Raquel Franzim

Quando: hoje
Horário: das 18h30 às 21 horas (inscrições esgotadas)
Data: amanhã
Horário: das 8h30 às 11h30
Local: Laboratório de Inovação Social da Mercur – LAB
Inscrições: No site