Revista Alto Falante 12/04/2019 23h08 Atualizado às 20h54

Projeto entra no segundo ano em busca do nº 59

Iniciativa busca a última edição da Revista Alto Falante. Você tem a número 59?

O projeto para recuperar e preservar a memória da Revista Alto Falante, que circulou em Santa Cruz nos anos 1980, entra em seu segundo ano de atividades em busca da última edição que falta para completar o acervo: a de número 59. A equipe também realiza entrevistas com os fundadores da Alto Falante. Ainda estão previstas para 2019 a digitalização do acervo, análise e catalogação do conteúdo das revistas e produção de artigos e capítulos de livros sobre o tema.

"São ações que ganham particular relevância à medida que servirão de subsídio para o site, o livro e o documentário que realizaremos”, adianta o coordenador do projeto, professor Demétrio de Azeredo Soster.

O número que está faltando foi publicado em janeiro/fevereiro de 1989 e tem em sua capa a ilustração de uma caixa de presentes com a manchete “O pacote que dá medo”, em alusão à economia brasileira do período.

Nas últimas semanas foram entrevistados os fotógrafos Lula Helfer e Jô Nunes. Ainda no ano passado foram ouvidos César Barros, Luiz Henrique Kuhn e Max Montiel Severo, também do time de fundadores. Em outra frente de trabalho, o conteúdo das revistas já foi catalogado e as edições estão sendo digitalizadas. O catálogo servirá para orientar pesquisadores sobre onde localizar, no corpo das revistas, os assuntos que lhes interessam. Já a digitalização fornecerá conteúdo para o site.

SÓ FALTA ELE

Se você tem o exemplar de número 59, ou sabe quem possa tê-lo, pode ajudar o projeto entrando em contato com a coordenação pelo telefone (51) 99995 0106 ou escrevendo para o e-mail dsoster@unisc.br, com cópia para deazeredososter@gmail.com.

O material também pode ser entregue nas secretarias do Programa de Pós-Graduação em Letras (bloco 10) ou do Departamento de Comunicação da Unisc (bloco 16).

Foto: Divulgação

 

Os nomes do projeto

A Alto Falante e o resgate da memória do jornalismo de revista em Santa Cruz do Sul, como é formalmente denominado o projeto, começou no início de 2018. Trata-se de uma parceria entre o Programa de Pós-Graduação em Letras – Mestrado e Doutorado e o Departamento de Comunicação Social da Unisc.  Integram o projeto, além de Soster, os professores Erion Lara (Publicidade) e Willian Fernandes Araújo (Jornalismo); os mestrandos Luana Ciecelski e Thiago Carlotto; os doutorandos Rodrigo Bartz, Jaqueline de Lara Gomes e Vanessa Costa Duarte; as graduandas Taliana Hichmann e Laura Zimmer Helfer e a secretária do Programa de Pós em Letras, Luiza Wioppiold Vitalis. A Agência Experimental A4 também integra a parceria.