Papo de pauta 13/06/2019 23h11 Atualizado às 06h43

Evento traz exemplos de Israel e Alemanha para o Brasil

Diretor do Mauá, Nestor Raschen, e diretora da Solled, Mara Schwengber, abordaram educação e energia sustentável

A Four Comunicação reuniu a imprensa regional em sua sede, em Santa Cruz do Sul, na manhã de ontem, para a primeira edição do Projeto Papo de Pauta. Conforme a jornalista Ana Cristina Santos, sócia-proprietária da empresa, a ideia é realizar encontros esporádicos, sempre abordando um conteúdo diferenciado, com a proposta de compartilhar informações e vivências.

Os convidados dessa quinta-feira foram o diretor do Colégio Mauá, professor Nestor Raschen, que falou sobre sua recente viagem de cunho educacional a Israel, e a diretora da Solled Energia, Mara Schwengber, que apresentou as novidades em energias renováveis descobertas durante viagem à Alemanha.

A Missão Educacional do Sindicato do Ensino Privado (Sinepe/RS) a Israel aconteceu de 13 a 25 de maio deste ano, com a participação de diretores de escolas particulares do Rio Grande do Sul e do Paraná. Foram realizadas visitas a escolas, universidades e centros de tecnologia educacional. “Conhecer as instituições israelenses foi uma experiência muito interessante e proveitosa, notadamente por ser um país que investe muito em educação e tecnologia”, pondera. Raschen destaca que os educadores brasileiros puderam ter contato com vários exemplos positivos de inovação em educação, que podem ser aplicados no Brasil.

Na missão voltada às energias renováveis, realizada em 2019 no Estado da Baviera, na Alemanha, a empresária Mara Schwengber constatou o quanto o Brasil já evoluiu no uso da energia solar. “Empregamos a mesma tecnologia de equipamentos e de instalação que é usada na Alemanha. Porém, vejo que temos muito a crescer quando o assunto é cooperativa de energia.” Para Mara, o país europeu é um exemplo de cooperação e associativismo, que indica um futuro a ser seguido pelos brasileiros. Outro ponto observado foi a tendência de crescimento dos veículos elétricos nos próximos anos em todo o mundo.
 

Foto: Michelle TreichelNestor Raschen: Israel tem muito a ensinar em áreas como educação e tecnologia
Nestor Raschen: Israel tem muito a ensinar em áreas como educação e tecnologia


Além disso, Mara conta que na Alemanha o armazenamento de energia já é muito utilizado. “É uma tendência para o Brasil. Com o avanço da tecnologia, a redução do custo e a adequação da legislação brasileira, devemos ter um grande avanço nesse sentido.”

Em uma fazenda visitada na vila de Wildpoldsried, o proprietário gera sua própria energia há mais de dez anos e atualmente consegue armazenar sua produção, para aproveitamento no consumo da residência e abastecimento do seu veículo elétrico. Na propriedade, o agricultor está investindo 6 milhões de euros na construção de 36 mil módulos de energia solar, em 17 hectares. A energia produzida será vendida para a concessionária.

A educação é o futuro de um país

Para o diretor do Colégio Mauá, professor Nestor Raschen, um destaque da recente Missão Educacional do Sinepe a Israel foi o encontro com o Prêmio Nobel de Química de 2011, professor da Universidade Technion, de Haifa, Dan Schechtman. Durante diálogo com o grupo de brasileiros, o químico destacou a importância da educação para o futuro de uma nação, e que a área deve ser sempre prioridade.


MAIS LIDAS