Iniciativa 15/06/2019 00h48 Atualizado às 14h57

Jovens rurais aprimoram a capacidade de liderança

Projeto Geração do Amanhã formou 13 filhos de agricultores da região. Solenidade aconteceu na sede da JTI Processadora

Um grupo de 13 jovens rurais do Vale do Rio Pardo concluiu na manhã dessa sexta-feira, 14, mais uma etapa de suas vidas. A formatura do Projeto Geração do Amanhã ocorreu na Sala Camel da JTI Processadora, em Santa Cruz do Sul. A iniciativa, considerada inédita dentro do formato proposto, é uma parceria da Japan Tobacco International (JTI), ONG Foco Empreendedor e Dale Carnegie, com apoio do Instituto Crescer Legal e das Escolas Família Agrícola de Santa Cruz do Sul (Efasc) e Vale do Sol (Efasol). Os encontros aconteceram semanalmente desde o fim de março, sempre nas tardes de sexta-feira, na sede da ACI de Santa Cruz.

Segundo a professora Cátia Fritz Michels, durante o curso os jovens aprimoraram as habilidades de liderança, autoconhecimento, comunicação e trabalho em equipe. Com aulas teóricas e práticas, o conteúdo foi centralizado em áreas fundamentais para atingir o sucesso pessoal. “Nosso objetivo é aprimorar as habilidades dos participantes para que se tornem futuros empreendedores do meio rural”, explica. Todos os formandos eram egressos das EFAs e do Instituto Crescer Legal.

Conforme o diretor de Assuntos Corporativos e Comunicação da JTI, Flávio Goulart, o futuro do meio rural depende da juventude, que precisa estar bem preparada para tratar questões técnicas, gerenciais e humanas. “Hoje esses jovens estão prontos para exercerem seus papéis como futuros produtores e empreendedores, líderes de suas comunidades”, elogia. A capacidade de liderança também é ressaltada pela supervisora de Projetos Sociais da JTI, Marinês Kittel.

Saiba mais

O Projeto Geração do Amanhã é uma parceria da Japan Tobacco International (JTI), ONG Foco Empreendedor e Dale Carnegie. As aulas da formação tiveram início em março e contaram com uma turma de 13 egressos das Escolas Família Agrícola de Santa Cruz do Sul (Efasc) e Vale do Sol (Efasol) e Instituto Crescer Legal. Durante o treinamento, foram trabalhadas as seguintes ferramentas: controle emocional, relações humanas, autoconfiança, comunicação e liderança.

Emoções sob controle para desfrutar de dias mais plenos

Produtor rural de Linha São João, no interior de Sinimbu, Jean Carlo Hirsch se formou na primeira turma da Efasc, em 2011. Hoje, aos 24 anos, conduz a propriedade ao lado da companheira Solange Tesche e dos pais Arno e Waly Hirsch, onde produzem leite e cultivam morango e outros produtos coloniais. “Quando fiquei sabendo do treinamento logo me interessei, principalmente por trabalhar aspectos emocionais. Consegui, por meio das ferramentas apresentadas, controlar mais o estresse e minhas emoções e descobri que é possível vencer nossos maiores desafios”, comenta.

A jovem Simoni Kappel, de 19 anos, também concluiu nessa sexta-feira o Projeto Geração do Amanhã. Ela recebeu o diploma e ressaltou sua satisfação com todo o aprendizado. “Eu era muito tímida e tinha dificuldades para falar em público. Também aprendi a importância de viver um dia de cada vez”, conta. Na unidade familiar, em Linha Andrade Neves, interior de Santa Cruz, a egressa do Instituto Crescer Legal auxilia os pais no manejo do tabaco e de alimentos e nas criações para subsistência.

Foto: Junio NunesJean Carlo: no controle das emoções
Jean Carlo: no controle das emoções
Foto: Junio NunesSimoni: sem timidez, falando em público
Simoni: sem timidez, falando em público