Negócios 03/09/2019 15h34 Atualizado às 17h09

Souza Cruz vai encerrar operações em Blumenau e Sombrio

Decisão foi comunicada nesta terça-feira aos funcionários; parte do produto que era processado em Blumenau será direcionado para Santa Cruz do Sul

A Souza Cruz vai encerrar suas operações nas cidades catarinenses de Blumenau e Sombrio, confirmando uma especulação que vinha tomando corpo nos últimos meses. A decisão foi comunicada no início da tarde desta terça-feira, 3, aos funcionários das duas unidades.

De acordo com comunicado emitido pela empresa e noticiado pela imprensa de Santa Catarina, a medida faz parte “de uma reestruturação do negócio, visando alcançar maior competitividade na operação.” Em Blumenau funcionava uma usina de beneficiamento e, em Sombrio, uma unidade de compra de tabaco.

LEIA MAIS: Dimar Frozza deixa a direção de Tabaco da Souza Cruz

A Souza Cruz informou ainda que a compra do tabaco dos produtores catarinenses será redistribuída para o novo posto do município de Timbó e outras unidades da companhia no Rio Grande do Sul e no Paraná, “de acordo com a melhor opção logística para nossos mais de oito mil produtores integrados no Estado”.

Já o processamento do tabaco será direcionado para as plantas de Rio Negro (PR) e Santa Cruz do Sul (RS), que segundo a companhia têm estrutura suficiente para suprir a demanda. Os prédios das unidades de Blumenau e Sombrio serão mantidos até uma possível venda dos imóveis.

Pessoal

A Souza Cruz informou ainda no mesmo comunicado que “fez todos os esforços para realocar o maior número possível de colaboradores” e convidou cerca de 50% dos 71 profissionais efetivos a atuar em outras unidades.

Para aqueles que foram desligados, a companhia diz que vai conceder “um pacote de rescisão acima do que é exigido por lei e bem superior aos padrões de mercado”, além de uma consultoria para ajudar os profissionais a buscarem recolocação no mercado.