Decoração 10/09/2019 20h48

Personagens Lino e Laila serão tema do Novo Cemai

Anjinho e a amiga serão usados na caracterização de ambientes das unidades básicas e no Centro Materno Infantil

Dois personagens já conhecidos por muitas crianças santa-cruzenses também estarão nos postos de saúde do município e serão o tema do Novo Cemai. Em parceria com o Hospital Santa Cruz e a Universidade de Santa Cruz do Sul (Unisc), a Secretaria Municipal de Saúde (SESA) passará a utilizar o anjinho Lino e amiga Laila na caracterização de ambientes das unidades básicas e no Centro Materno Infantil que está sendo reformado. A assinatura para ceder o direito do uso de imagem ocorreu na manhã desta terça-feira, 10.

Criadora dos personagens e das histórias deles, a professora do Curso de Pedagogia da Unisc e diretora de Ensino, Pesquisa e Extensão do HSC, Giana Diesel Sebastiany conta que a ideia surgiu como uma forma de humanizar os espaços para as crianças dentro do hospital. “O Lino nasceu a partir da necessidade de tornar o espaço da pediatria mais lúdico e amigável. Quando chegam no hospital, as crianças já não estranham tanto o ambiente porque conhecem o personagem, seja por meio da escola ou dos livros.”

Giana comenta que, desde que as histórias do Lino e da Laila passaram a fazer parte da rotina da Pediatria do HSC, percebeu-se uma melhora nos pacientes internados. “Eles passaram a sair mais do quarto, caminhar e aproveitar o ambiente de recreação. E isso ajuda muito nos tratamentos”, conta.
De acordo com a reitora da Unisc, Carmen Lúcia de Lima Helfer, embora tenha apenas três anos, a marca já está consolidada dentro do hospital. “Agora, estender para a área pediátrica da Secretaria de Saúde dará uma visibilidade muito grande ao projeto. A Giana tem todo o mérito da criação. A gente se emociona porque esse projeto deu outra paisagem à Pediatria do Hospital Santa Cruz. Alegrou o ambiente.”

O secretário municipal de Saúde, Régis de Oliveira Júnior, destaca que o objetivo é amenizar o sofrimento das crianças que precisam de atendimento e de distraí-las enquanto aguardam com seus pais. Por isso, segundo ele, a caracterização do Novo Cemai também será baseada nas histórias do Lino da Laila e nos demais personagens dos livros. “É uma forma de prestigiarmos essas figuras que já foram adotadas pelas nossas crianças e levar esses símbolos da saúde infantil para todas as unidades.” O secretário acrescenta que os pacientes da pediatria já estão familiarizados com os personagens. “Eles conquistaram o coração de todo mundo. As pessoas se envolvem, se emocionam e esperam pela próxima história”, diz.

Quem são os personagens

Lino e Laila são personagens infantis criados em 2016 para auxiliar na humanização da Pediatria do Hospital Santa Cruz (HSC). Eles foram desenvolvidos pela professora do Curso de Pedagogia da Unisc e diretora de Ensino, Pesquisa e Extensão do HSC, Giana Diesel Sebastiany. Já a arte foi feita pelo publicitário Bruno Seidel, da Assessoria de Comunicação e Marketing da Unisc. Seis livros já foram lançados para contar as aventuras de Lino e Laila: Lino, o anjinho travesso; O Natal de Lino e Laila; O Mistério do Quebra-Cabeça; Qual animal você seria; Brinquedos que viajam no tempo; e Lino nos 110 anos do Hospital Santa Cruz.

Lino é um anjinho, que caiu do céu e conheceu a amiga Laila. "A primeira história foi pensada de acordo com o atendimento que temos no hospital, da criança que não fica muito tempo internada. O Lino também passa só um tempo hospitalizado e a criança se identifica com isso. Ele foi criado para contemplar a vivência das crianças no hospital", conta a autora. A partir dele, a Pediatria do HSC foi caracterizada com as histórias do anjinho. Além disso, as crianças internadas na instituição também recebem um livro dos personagens. "No início, éramos poucos acreditando no projeto, mas o hospital acabou comprando a nossa ideia. O Lino e a Laila foram criados para a comunidade", diz Giana.