Inclusão 11/09/2019 20h49 Atualizado às 09h52

CTG faz campanha por dançarina cadeirante; saiba como ajudar

A arrecadação de dinheiro vai acontecer até 25 de outubro

O CTG Rincão da Alegria está promovendo uma campanha para comprar uma cadeira de rodas específica para dança, semelhante à dos paratletas do basquete. O equipamento é para a integrante da invernada mirim, Eduarda Gabrieli Foletto, de 12 anos, que tem paralisia cerebral. O custo é de R$ 4,1 mil.

A iniciativa começou em junho, após a etapa regional do Enart em Encruzilhada do Sul. A entidade está recolhendo lacres de latinhas de refrigerante e vendendo números de uma rifa e bandejas de pastéis nas noites de terça-feira, quando a criançada ensaia.

A coordenadora Carla Borba afirma que a arrecadação de dinheiro vai acontecer até 25 de outubro. Ela pretende fazer a encomenda da cadeira na próxima semana, já que o prazo de entrega é de 45 dias. “Nossa invernada mirim se engajou na busca pelo recurso. Todos adoram a Duda, é o nosso amuleto”, salienta. A entidade se organiza para sediar a ronda crioula na próxima terça-feira.

A mãe de Eduarda, Juliane Patrícia da Silva, dona de casa de 28 anos, conta que a filha fica muito feliz quando vai ao CTG. “Ela adora vir para os ensaios, foi muito bem incluída pelo grupo”, comenta. Além da cadeira, Duda precisa de atendimentos especializados, o que gera custos altos. Por isso, a família realiza campanhas frequentes para auxílio financeiro. Quem tiver interesse em ajudar pode entrar em contato com Juliane (51 99922 1084) ou Carla (51 99562 6262).

LEIA MAIS: Dançarina cadeirante pede auxílio para participar de baile em Porto Alegre