A festa da tradição 15/11/2019 11h44 Atualizado às 17h47

Enart começa nesta sexta em Santa Cruz do Sul

Enart abre oficialmente às 16 horas desta sexta, em solenidade no Ginásio Poliesportivo. Organização espera 50 mil visitantes

O 34º Encontro de Artes e Tradição Gaúcha (Enart) começa nesta sexta-feira, 15, e se estende até domingo, 17, com a presença de 4 mil participantes, em 29 concursos dentro de 15 categorias. O evento terá nove palcos no Parque da Oktoberfest e um na sede da Assemp. A abertura está marcada para as 16 horas no Ginásio Poliesportivo, com a presença das 30 Regiões Tradicionalistas e da imagem de Nossa Senhora de Medianeira, padroeira do Rio Grande do Sul.

O público, estimado em 50 mil pessoas nos três dias, poderá acompanhar as apresentações dos grupos de dança vencedores no Enart pré-mirim, mirim e juvenil, realizado em junho, em Soledade. O CTG Rincão da Alegria, vencedor na categoria mirim da modalidade Danças Tradicionais Força B, estará presente com a coreografia Dia de Festa. Na ocasião, Eduarda Gabrieli Foletto, 12 anos, vai estrear a cadeira de rodas especial que ganhou para dançar. Na sequência, o CTG Rancho da Saudade, de Cachoeirinha – atual campeão da Força A nas Danças Tradicionais –, vai reeditar a performance vencedora do ano passado.

O bloco 1 das Danças Tradicionais da Força A vai começar às 19h15 no Ginásio Poliesportivo. No sábado, os blocos 2, 3, 4 e 5 estão previstos para 8 horas, 13 horas, 17h15 e 20 horas. Dos 40 grupos, metade avança para a disputa do título no domingo, com início das apresentações programado para as 9 horas. No Pavilhão 2, a Força B segue os mesmos horários. Todos os grupos são convidados a participar da Dança de Integração às 19 horas de domingo, antes da solenidade para entrega de troféus, no Poliesportivo.

No sábado, cada uma das 30 Regiões Tradicionalistas organizará um estande com elementos de pesquisa para apresentar na 20ª Mostra de Arte e Tradição Gaúcha. O público poderá conferir os trabalhos no Pavilhão 3 a partir das 16 horas. No domingo, o Pavilhão 3 ainda será palco da missa crioula, às 10 horas. O evento é organizado pelo Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG), com direção da Fundação Cultural Gaúcha, apoio da 5ª Regional Tradicionalista e GPS Net, além do patrocínio do Município de Santa Cruz do Sul e da Philip Morris.

Lanceiros
O CTG Lanceiros de Santa Cruz, representante local nas Danças Tradicionais Força A, espera repetir o desempenho dos últimos dois anos, quando ficou entre os dez melhores. Segundo o coordenador Fernando Schroeder, a última semana foi de ajustes finais. “Vamos ensaiar exaustivamente hoje (ontem). Agora é o momento de não perder o ritmo e dar firmeza aos movimentos”, observou.
Na entrada e saída, as coreografias irão homenagear a poetisa e professora porto-alegrense Luciana de Abreu. Ela foi uma das primeiras mulheres a subir em uma tribuna para falar sobre direitos iguais para o sexo feminino, em 1873. Também foi a primeira mulher a se tornar nome de rua no Rio Grande do Sul, em 1921. “A vida dela e a força da luta por liberdade e igualdade da mulher serão os focos da apresentação”, detalhou Schroeder. A pré-estreia das pilchas ocorreu no dia 1º.

Cobrança antecipada gera críticas
A cobrança antecipada de ingressos gerou reclamações. A santa-cruzense Clarinda Lacerda criticou a medida quando precisou acessar o parque para montar o acampamento. Segundo ela, caso seja necessário sair e retornar novamente, o valor por veículo terá de ser pago de novo. “Deveria ser cobrado somente a partir de sexta-feira. É um absurdo”, disse. Clarinda também solicitou melhorias nas condições dos banheiros. “Estão sujos, com vasos entupidos e lâmpadas queimadas.” Outra crítica é a falta de divulgação por parte do MTG quanto à cobrança de entradas e valores.

A assessoria de imprensa do MTG justificou a cobrança de ingressos antes da abertura oficial pelo fato de o Parque da Oktoberfest estar sob responsabilidade da entidade desde segunda-feira, com a chegada de veículos para o acampamento ao longo de toda a semana, para permanecerem até domingo. Também é cobrado de cada pessoa ocupante dos veículos.

Quem acessa o parque para atividades de lazer, como corrida e caminhada, não precisa pagar. Ontem foram instalados banheiros químicos para oferecer mais comodidade aos acampados.

Ingressos
Ingresso por acesso:
Adulto – R$ 20,00
Criança de 10 a 12 anos – R$ 10,00
Idoso acima de 60 anos – R$ 10,00
Estudante com carteira – R$ 10,00
Ingresso permanente:
Adulto – R$ 50,00
Criança de 10 a 12 anos – R$ 25,00
Idoso acima de 60 anos – R$ 25,00
Estudante com carteira – R$ 25,00
Livres de cobrança: pessoas com deficiência, concorrentes credenciados, estudantes do Ensino Fundamental da rede pública de Santa Cruz do Sul credenciados e doadores de sangue credenciados no Hemovida de Santa Cruz do Sul.
Veículos (sem o valor do condutor e acompanhantes)*
Ônibus: R$ 150,00
Automóvel: R$ 50,00
Motocicleta: R$ 15,00
*Seguro incluso no valor

Movimento nos acampamentos é intenso nesta sexta
Grupos conhecem os locais das apresentações

LEIA MAIS: Estrutura do Enart começa a ganhar forma no parque