Santa Cruz 11/02/2020 08h27

Câmara autoriza Prefeitura a contratar mais 51 servidores

Contratos emergenciais são para garantir atendimentos até que os aprovados no concurso público possam ser chamados

Os vereadores de Santa Cruz do Sul voltam a aprovar pedidos da Prefeitura para a contratação emergencial de servidores. Na sessão dessa segunda-feira, 10, das dez matérias votadas, nove envolvem a ocupação de funções na administração municipal. O governo justifica que a medida é necessária para não haver interrupção nos serviços públicos por causa do encerramento de contratos temporários. Essas funções vão ser preenchidas por aprovados no concurso público que tem provas marcadas para o fim de semana.

Ao todo, o Legislativo autorizou a prefeitura a contratar 51 servidores. São 30 operários, dois pedreiros, dois motoristas, dois cirurgiões-dentistas, um enfermeiro, um médico-pediatra, 11 agentes de combate às endemias, um médico-autorizador e um médico clínico-geral. Outro projeto aprovado prevê a cedência de um imóvel para o Círculo de Pais e Mestres do Colégio Estadual Monte Alverne.

LEIA TAMBÉM: Câmara de Santa Cruz aprova contratação de 177 servidores para a Educação

A Câmara de Santa Cruz também aprovou a realização de dois debates públicos. Gerson Luís Trevisan, do PSDB, vai realizar uma reunião especial para discutir a situação do prédio onde funciona a Casa das Artes Regina Simonis. Já Alberto Heck, do PT, prepara uma audiência pública sobre a legislação e sobre a gestão dos resíduos sólidos no município. As datas das discussões ainda não foram definidas.

Biometria

A tradicional reunião da Câmara de Vereadores de Santa Cruz contou com uma visita especial nessa segunda-feira. A presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul (TRE-RS) esteve no plenário. A desembargadora Marilene Bonzanini cumpriu agenda no município para alertar sobre o fim do prazo para a realização do processo de biometria dos eleitores em Santa Cruz.

Presidente do TRE, Marilene Bonzanini, alertou sobre o fim do prazo para biometria | Foto: Jacson Stulp/Câmara de Vereadores