Emprego 12/02/2020 18h06

Fumageiras vão contratar sete mil temporários em Santa Cruz

Além da ampliação do número de chamados em relação a safra anterior, sindicato também prevê contratos com maior duração

As fumageiras de Santa Cruz do Sul já iniciaram a busca por funcionários temporários. A expectativa dos produtores e indústria é de crescimento nas vendas, enquanto os safreiros esperam conquistar ou reconquistar uma vaga no mercado de trabalho.

O presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Fumo e Alimentação de Santa Cruz (Stifa), Sérgio Pacheco, prevê a geração de até 7 mil empregos nesta safra de tabaco no município. “Nós já estamos com 1.254 sazonais chamados e algumas grandes empresas estão começando a chamar agora. Temos uma perspectiva de 6.500 a 7 mil trabalhadores nesta safra”, ressalta.

No ano passado, 6.016 pessoas foram contratadas como safreiros para o beneficiamento da safra de tabaco. Conforme Pacheco, o crescimento se deve a incrementos projetados pelas indústrias. A Souza Cruz, segundo ele, vai ampliar o volume a ser beneficiado na usina localizada no Distrito Industrial. Além das 7 mil contratações, o Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias do Fumo e Alimentação projeta um tempo de duração dos contratos maior, com expectativa de término para o fim de julho.

LEIA TAMBÉM: Estiagem deve impactar até a contratação dos safreiros