Movimento 13/02/2020 14h43 Atualizado às 17h01

Lojas de material escolar lotam com o fim das férias

Início do ano letivo está marcado para a próxima segunda-feira, 17

Faltando poucos dias para o início das aulas, o período é de ir às lojas comprar o que falta na lista de materiais fornecida pelas escolas. Para tanto, os estabelecimentos especializados no segmento equipam seus estoques com produtos dos mais diversos tipos e formatos.

Conforme a gerente da Clip Graffite, Jaqueline Freese, os últimos dias vêm sendo de intenso movimento, sobretudo desde sábado. “Acredito que após todas as escolas terem disponibilizado a lista de materiais, as pessoas que ainda não haviam comprado os produtos estão vindo”, ressalta a gerente. Ela observa que algumas escolas não tinham liberado a lista até os últimos dias, o que gerou reclamações de alguns pais.

Jaqueline: mochilas estão em promoção | Foto: Rafaelly Machado

“Isso pode ter influenciado no atraso do movimento nas lojas, fazendo com que alguns pais só viessem nos últimos dias antes do início das aulas.” Um dos diferenciais da Clip, segundo Jaqueline, é oferecer boas condições de pagamento. “Nas mochilas, estamos com promoções que variam de 15% a 50%, em que as pessoas podem parcelar em até dez vezes, sem entrada e sem juros.”

Da mesma forma, a gerente da Brincasa, Pâmela Romero, ressalta a procura pelo material escolar em promoção. “Notamos o grande aumento nas vendas desse tipo de produto. Oferecemos boas condições de pagamento, com toda a linha de material escolar com 10% de desconto à vista, exceto os produtos do nosso encarte, que já estão em promoção”, diz Pâmela. Entre os produtos mais procurados estão mochilas, estojos, colas, pastas, lápis, canetas, ábacos e material dourado.

Pâmela: grande aumento nas vendas | Foto: Rafaelly Machado

“Outro item que está com um desconto muito bom é o caderno de uma matéria da Tilibra, de 96 folhas, que custa somente R$ 4,99”, complementa. De acordo com a gerente, a moda entre os estudantes são os tons pastel. Mochilas de personagem também são muito vendidas no estabelecimento.

LEIA MAIS: Aulas nas escolas municipais começam a partir do dia 17

Lojas do segmento ficaram lotadas nos últimos dias, com o movimento de famílias em busca dos itens exigidos pelas escolas | Foto: Rafaelly Machado

Ansiedade entre os alunos
Além da pressa dos pais para garantir o material dos filhos antes do início das aulas, os estudantes também não escondem a ansiedade em escolher, antes que acabem, as melhores estampas e os produtos mais descolados do momento. Tão logo efetivou a matrícula do filho Henrique em uma Escola Municipal de Ensino Fundamental (Emef), Jussara Rodrigues Avila levou o jovem de 10 anos para comprar os itens da lista. “Foi bem difícil para efetivar a matrícula. Agora que conseguimos estamos comprando, pois o Henrique já estava em uma aflição”, brinca a mãe.

Mais de 11 mil alunos de escolas de educação infantil (Emeis) e de Emefs de Santa Cruz do Sul retornarão às aulas na próxima segunda-feira, 17. Já as atividades nas 98 escolas estaduais da região serão retomadas em datas diferenciadas, em razão da greve dos professores.

Conforme a 6a Coordenadoria Regional de Educação (6a CRE), na segunda-feira, 17, irão retornar às aulas todos os educandários que concluíram o ano letivo até 16 de janeiro. E no dia 26 deste mês, os que finalizaram as atividades em 24 do mês passado. Os demais vão começar em 2 de março.

LEIA MAIS: Aulas da rede estadual começam no dia 18 de fevereiro