Surpresa 19/02/2020 15h14 Atualizado às 11h19

Havan demite funcionários e reduz mão de obra em Santa Cruz

Rede catarinense teria demitido cerca de 50 trabalhadores desde o começo do ano

A inauguração da Havan em Santa Cruz do Sul completa cinco meses nesta sexta-feira, 21. Depois da euforia da chegada da rede catarinense, pessoas que foram contratadas para trabalhar no local reclamam de demissões em massa. A situação teria começado logo após a virada do ano.

Uma das ex-funcionárias afirma que a alegação da gerência da loja envolve corte de custos em função de metas que não foram atingidas. “Eu trabalhava em outro local e pedi demissão para ir para a Havan. Fui selecionada, recebi treinamento e estive na abertura. Estava tudo bem mas no dia dois de janeiro acabei demitida”, afirma a jovem que pediu para não ser identificada.

LEIA TAMBÉM: Veja como foi a inauguração da Havan em Santa Cruz

Outro ex-funcionário da empresa, que também solicitou anonimato, alerta que as metas aumentaram depois da inauguração. “Antes era tudo uma maravilha mas depois parece que estabelecem metas para que elas não sejam atingidas”, reclama. Ele acabou demitido no dia 17 de fevereiro, justamente quando completou 90 dias de contrato. O jovem ainda alega que o movimento na loja reduziu depois da virada do ano.

Inauguração da Havan em Santa Cruz teve a presença do dono da rede, Luciano Hang, e da apresentadora Patrícia Abravanel, do SBT

Os ex-funcionários ouvidos pela reportagem estimam entre 40 e 50 as demissões feitas pela Havan desde o começo do ano. Segundo eles, alguns afastamentos teriam sido justificados pelo número de advertências recebidas durante o trabalho enquanto outros teriam ocorrido por causa das metas não atingidas.

LEIA TAMBÉM: Nova rede de lojas estuda instalar unidade em Santa Cruz

A reportagem entrou em contato com o gerente de recursos humanos da rede catarinense. Aurélio Paduano justifica que esses movimentos são comuns em função do período do ano. “Entre outubro e dezembro é um quadro. Em janeiro, a situação é outra. Fizemos alguns ajustes depois do final de ano”, revelou.

Informações repassadas pela própria Havan mostram que a filial de Santa Cruz possui atualmente 118 funcionários. Quando a loja abriu as portas, no mês de setembro do ano passado, cerca de 150 pessoas foram contratadas.