Saúde 10/06/2020 12h32 Atualizado às 14h49

Interventor assume o Hospital Regional do Vale do Rio Pardo na semana que vem

Interventor foi definido pela Justiça e fica no comando da instituição pelos próximos 180 dias

O Instituto de Administração Hospitalar e Ciências da Saúde (IAHCS) assume oficialmente como interventor do Hospital Regional do Vale do Rio Pardo a partir da próxima segunda-feira, 15. A entidade foi definida pelo governo do estado e pelo Ministério Público, após a casa de saúde passar por intervenção. A administradora anterior foi alvo da Operação Camilo, que investiga desvios de recursos.

O nome do interventor foi homologado pela juíza Magali Wickert de Oliveira, de Rio Pardo. O IAHCS já administra outros hospitais no Estado. A entidade vai substituir a Associação Brasileira do Bem-Estar Social, Saúde e Inclusão (Abrassi), que teve os diretores afastados e alguns deles até presos dentro do inquérito que apura desvios que podem chegar aos R$ 15 milhões.

LEIA MAIS
Entre bens e dinheiro, apreensões na Operação Camilo chegam a R$ 5 milhões
Operação Camilo cumpre novos mandados de busca e apreensão

O IAHCS vai administrar o Hospital Regional do Vale do Rio Pardo pelos próximos 180 dias, até que seja definido o gestor definitivo. Ao longo desse período, o objetivo é realizar um diagnóstico e elaborar um plano de operação para o local.

A Prefeitura de Rio Pardo garante que vai realizar normalmente o repasse de recursos para a casa de saúde. O montante relativo ao mês de junho será depositado em uma conta judicial, sob orientação do próprio Poder Judiciário. A intenção é garantir o pagamento do salário dos funcionários do hospital.