Sobradinho 16/06/2020 21h37 Atualizado às 09h47

Projeto Arte e Cidadania lança campanha “Eleições limpas: não vendo meu voto”

Iniciativa busca conscientizar a população sobre o voto, diante das eleições municipais que devem ocorrer neste ano

Na noite desta terça-feira, 16, o Projeto Arte e Cidadania, juntamente com várias entidades do município de Sobradinho, lançou a iniciativa “Eleições limpas: não vendo meu voto”, que busca conscientizar a população sobre o voto, diante das eleições municipais que devem ocorrer neste ano. Integrantes do projeto, Angela Ferraz e Catia Dalmolin destacaram que é preciso fazer uma nova política, com atitudes diferentes dos políticos e da comunidade.

A promotora de justiça Amanda Giovanaz ressaltou que o Ministério Público está à disposição para apoiar o projeto. Conforme ela, é preciso adotar medidas para buscar mudar a realidade atual em relação à compra de votos.

LEIA TAMBÉM: Arte e Cidadania lançará projeto contra a compra de votos

Segundo o presidente do Partido Socialista Brasileiro (PSB), Jeferson Matana, foi criada uma imagem de que o político compra voto, mas, segundo ele, além das pessoas ligadas a partidos políticos, muitos cidadãos colaboram com essa situação. Ele parabenizou o Projeto Arte e Cidadania e ressaltou que esse é o caminho para a mudança.

O presidente da Subseção de Sobradinho da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), Dalmir Rech, parabenizou o projeto e reforçou a importância de se investir na educação e na instrução das pessoas, para que, por meio da conscientização, elas possam perceber a importância do poder do voto.

LEIA TAMBÉM: Polo de Educação a Distância de Sobradinho oferece novos cursos gratuitos

A iniciativa tem o apoio do Ministério Público, Sindilojas, OAB Sobradinho, Brigada Militar, Rádio Gazeta FM 98.1 e Jornal Gazeta da Serra, Rádio Sobradinho AM e Jacuí FM, Paróquia Nossa Senhora dos Navegantes, CTG Galpão da Estância, Rotary Club Sobradinho, Centro Espírita Joana de Angelis, Comunidade Evangélica de Confissão Luterana Santíssima Trindade, Associação Filantrópica Acácia da Serra, Sindicato Rural de Sobradinho, Projeto Boleiros da Medianeira, Projeto Rio Branco, Projeto Social Renascer Bairro Baixada, Associação Desportiva Formando Atletas, Projeto Social União, Projeto Pés para o Futuro e Apae de Sobradinho.

Foto: Gazeta da Serra/Katieli Kohls
Foto: Gazeta da Serra/Katieli Kohls


LEIA TAMBÉM: Patrulha Comunitária do Interior terá segunda guarnição no Centro-Serra