Legislativo 22/06/2020 21h17 Atualizado às 22h35

Vereadores de Sobradinho se reúnem na 15ª sessão da Câmara

Na sessão desta segunda-feira, 22, não houve votação de nenhum projeto durante o encontro

Nesta segunda-feira, 22, os vereadores de Sobradinho estiveram reunidos para a 15ª sessão ordinária deste ano. Não houve votação de nenhum projeto durante o encontro. No uso da tribuna, o vereador Jeferson Matana (PSB) parabenizou o colega Adão Weber, que recebeu a homenagem dos bombeiros voluntários. Matana rebateu as afirmações do vereador Tuki Siman na sessão anterior, quando ele falou sobre o Centro de Especialidades e Telemedicina. Segundo o parlamentar, em nenhum momento ele falou sobre a construção de um hospital, mas de um centro de especialidades. Conforme o vereador, o projeto vai englobar inicialmente 18 especialidades, atendendo toda a região. Matana salientou que, no dia em que anunciou o projeto, durante entrevista, o prefeito Bertino Rech, de Passa Sete, já ofereceu um terreno, bem como empreendedores de Arroio do Tigre também se manifestaram, mas já está sendo verificada uma área em Sobradinho, na entrada de Linha Quinca, para a instalação da estrutura.

LEIA TAMBÉM: Sobradinho integra região com bandeira laranja em nova atualização do Estado

O vereador ainda destacou que o recurso de R$ 1,5 milhão destinado pelo deputado Heitor Schuch (PSB) será repassado da verba dos Sindicatos dos Trabalhadores Rurais da Região Centro-Serra que decidiram apoiar o projeto. Matana acrescentou que nunca anunciou emendas sem responsabilidade. A vereadora Solange Guerreiro (PP) agradeceu a Prefeitura pelo concerto das estradas que foi solicitado por ela. A parlamentar disse que vai se reunir com os colegas e o Executivo para discutir sobre os subsídios da próxima legislatura.

Valdecir Bilhan (PTB) enfatizou que, com a proximidade das convenções, já se iniciaram as tratativas políticas, destacando que é fundamental pensar no futuro do município. O vereador falou que os partidos devem analisar a situação e decidir por aquilo que é melhor para a população. Tuki Siman (PDT) disse que esteve reunido com a Brigada Militar, Polícia Civil e representantes da Sicredi. O encontro tratou sobre o projeto de videomonitoramento. Segundo o vereador, a cooperativa doou uma televisão e um computador para integrar o projeto. Em relação às declarações do vereador Matana, Tuki frisou torcer para que o projeto dê certo, mas afirmou novamente que acha difícil construir o Centro de Especialidades e Telemedicina com R$ 1,5 milhão.

LEIA TAMBÉM: Promotora de Justiça rebate críticas do secretário Idelfonso Barbosa

Elemar Lazzari (MDB) destacou que é preciso seguir as medidas preventivas em relação à Covid-19, reforçando o uso de máscara e frisando que as pessoas, se puderem, devem ficar em casa. O vereador parabenizou o trabalho da Brigada Militar, que, conforme ele, vem passando semanalmente nas comunidades, conversando com a população e prevenindo possíveis crimes. Lazzari também destacou o trabalho realizado pelo Executivo, que apesar das dificuldades segue trabalhando na realização de obras e pagando em dia seus servidores. O vereador Adão Weber (MDB) colocou que presenciou muitas pessoas desobedecendo às medidas preventivas em relação ao coronavírus no último final de semana. Ele salientou que os desobedientes só se conscientizarão da importância de seguir as medidas determinadas quando alguém gritar em seu ouvido “use máscara”.

LEIA TAMBÉM: Associação Esportiva Sobradinho aguarda definição sobre início da Série Ouro