Durante a pandemia 04/08/2020 21h26

VÍDEO: fã da Rádio Gazeta, Ícaro continua sintonizado na programação

No estúdio montado em um cômodo da casa, garoto de 12 anos cultiva todos os dias o sonho de ser locutor

Em dezembro do ano passado, um garoto que completava 12 anos estampou uma das páginas da Gazeta do Sul. O motivo era o amor de Ícaro Belizário da Silva Linhares pela Rádio Gazeta FM 107,9. Ele acompanha a programação durante cerca de dez horas diariamente. O gosto pela emissora fez Ícaro montar um estúdio, com microfones e caixas de som, em um cômodo nos fundos da residência onde mora com o pai, a madrasta e a irmã.

O garoto havia visitado o estúdio da rádio para conhecer a estrutura e a equipe. Foi um presente de aniversário. Em retribuição, a apresentadora Aline Silva esteve no estúdio caseiro do menino, que estuda no 7º ano da Escola José Leopoldo Rauber. Ao unir a rádio que ama e o bairro onde mora, criou o codinome utilizado por ele nas redes sociais: Gazetinha do Rauber.

LEIA MAIS: VÍDEO: garoto que é fã da Rádio Gazeta sonha ser locutor

Para melhorar a iluminação do lugar onde Ícaro passa a maior parte do dia, o pai Belizário Linhares instalou uma lâmpada fluorescente. Munido de um celular, o guri grava as trilhas dos programas e as reproduz antes de soltar a voz no microfone. Com tampinhas de garrafas pregadas em um pedaço de PVC, simula os botões da mesa usada pelos operadores na rádio. Um caderno aberto em uma página com ícones desenhados serve como “computador”.

Ao pedirmos para Ícaro mostrar como apresentaria um programa, o menino baixa a trilha, apresenta-se e começa a falar dos destaques do dia, sem esquecer da hora, da temperatura e das chamadas comerciais. Ele também lembra de conferir as participações de ouvintes. Para beber água, o locutor utiliza uma caneca da FM 107,9 que ganhou de brinde.

LEIA MAIS: O passo a passo para você sintonizar a Rádio Gazeta no FM

Com o entretenimento, ainda maior no período de isolamento em razão da pandemia, Ícaro fica bem informado sobre as informações locais, mas também regionais, estaduais, nacionais e até mesmo internacionais. Afastado da escola, ele recebe as lições toda terça-feira.

“Estou em casa desde março, quando paramos de ir na escola. Além de ouvir o rádio, assisto televisão e mexo no celular”, explica. O garoto confessa que, vez por outra, muda de emissora. Ele sintoniza na Gazeta FM 101,7 para ouvir Aline Silva e Mateus Machado. “O programa Radar com o Rosemar Santos é muito bom. Mas ainda estou me adaptando com o fim do Show da Tarde.”

LEIA MAIS: Programas da Gazeta estão na web para ouvir on demand